Sábado, 26 de Maio de 2018
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº988
Menu

ARMAZéM LITERáRIO > ESTANTE

Do perfil à autobiografia

Por Luis Guilherme Pontes Tavares em 28/10/2014 na edição 822
Um cidadão prestante, de Sérgio Mattos, Editora Quarteto, Salvador, 2014

O jornalista e professor Sérgio Mattos, doutor em Comunicação pela Universidade do Texas e Prêmio Luiz Beltrão 2000 na categoria de Maturidade Acadêmica, lançará no dia 4 de novembro, às 18h30, na antessala do reitor da Universidade Federal da Bahia (UFBA), em Salvador, o livro Um cidadão prestante (Salvador: Quarteto, 2014), que é a entrevista biográfica com o professor Edivaldo Boaventura, ex-secretário de Educação e Cultura da Bahia e ex-diretor geral do diário baiano A Tarde. Uma semana depois, em São Paulo, o autor participa do painel “Cartografia Biográfica” ao lado dos pesquisadores Felipe Pena (UFF), Sandra Reimão (USP), Sérgio Vilas-Boas (FCL) e Danilo Miranda (Sesc).

O evento paulista integra a programação do Pens@com Brasil 2014 (Pensamento Comunicação Brasileiro), promovido, com o auxílio de parceiros, pela Sociedade Brasileira de Estudos Interdisciplinares da Comunicação (Intercom), entre 12 e 14 de novembro, no Sesc Vila Mariana. O evento é coordenado pelo decano José Marques de Melo, professor e pesquisador da Comunicação cujo reconhecimento ultrapassa as fronteiras brasileiras. Apenas para citar outros participantes, registro que, no painel 3 (“Crítica da literatura comunicacional”), a jornalista baiana Mariluce Moura, editora da revista Pesquisa Fapesp, abordará o tema “Crítica nas revistas de divulgação”; e no painel 4 (“Biografias de celebridades midiáticas”), no final da tarde do mesmo dia, o jornalista Audálio Dantas, autor de uma recente biografia de Vladmir Herzog, falará sobre “Os meninos Lula e Graciliano”.

O escritor Sérgio Mattos escreveu nos últimos anos a biografia do professor José Marques de Melo – O guerreiro midiático (São Paulo: Intercom, 2010) –, cuja segunda edição ampliada sairá ainda este ano no formato e-book. Em 2009, também pela editora baiana Quarteto, lançou a biografia do agrônomo Jayme Ramos Queiroz – Só você pode, Jayme – em que acentua a atuação do biografado à frente de órgãos públicos do governo do estado da Bahia. A última biografia escrita pelo autor, Um cidadão prestante, concentra maior atenção na trajetória do biografado rumo ao reconhecimento como autoridade no campo da Educação.

A própria biografia

Jornalista desde o final da década de 1960, Sérgio Mattos deu os primeiros passos no universo das biografias ao construir, como tarefa dos jornais e revistas pelos quais passou, muitos perfis de personagens. Um dos mais remotos foi a entrevista com dom Hélder Câmara, que por pouco não foi censurada e impedido de ser publicada; um dos mais recentes, publicado na revista Neón, de propriedade do autor e que circulou entre o final da década de 1990 e o início da seguinte, examinou a vida e a obra do jornalista Jorge Calmon (1915-2006), que foi diretor-redator de A Tarde por muitos anos e muitos anos.

Neste instante, o jornalista e professor Sérgio Mattos, que integra os departamentos de Jornalismo e de Publicidade e Propaganda da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB), além de dirigir a editora dessa universidade, está tomando as providências finais para a publicação de sua própria biografia, trabalho intenso que ocupou os seus intervalos de trabalho, inclusive férias e os finais de semana dos últimos três anos. O livro será enriquecido por uma cuidadosa foto-galeria e por vários documentos afins com a trajetória do autor. Um dos méritos da obra é a edificação do cenário histórico que ele construiu para contar a sua vida desde o nascimento, em 1948, até os dias atuais.

******

Luis Guilherme Pontes Tavares é jornalista e doutor em História Econômica

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem