Segunda-feira, 25 de Setembro de 2017
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº959

ARMAZéM LITERáRIO > ESTANTE

Coletânea poética de Mauro Salles

17/02/2004 na edição 264

[do release da editora]

Tilápia e Galiléia é um estado de alma. De uma alma inquieta, capaz de transformar a existência em poesia e a poesia em lugar divino. Neste livro, Mauro Salles reúne 30 poemas que abordam deste temas sagrados até situações consideradas banais. Uma peregrinação poética – de versos ao mesmo tempo simples e misteriosos – que revelam a plenitude literária do autor.

São poemas densos e cadenciados. Têm mistério e simplicidade, contemplação e aridez, leveza e sabedoria. Pequenos atos de fé, do poeta que acredita no homem e no mistério da vida. A Galiléia que habita em cada um de nós e a tilápia que alimenta nossos desejos e temores.

Mauro Salles, 71 anos, nasceu em Pernambuco. É casado, tem três filhos e nove netos. Jornalista, advogado, publicitário e poeta, fez carreira no Rio de Janeiro, foi diretor de redação de O Globo e participou ativamente na fundação da TV Globo. Na década de 60, criou a Mauro Salles Publicidade, hoje Publicis Salles Norton, uma das três maiores agências do mercado brasileiro. Publicitário premiado, Mauro Salles é autor dos seguinte livros: Coisas de crianças, O gesto, Reisen e Recomeço.

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem