Sábado, 23 de Junho de 2018
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº992
Menu

ARMAZéM LITERáRIO > DEU NO JORNAL

Jornalismo para crianças

Por Madô Martins em 27/04/2004 na edição 274

A informação é um direito de todo ser humano, nem sempre usufruído em sua plenitude. Em tese, todos temos acesso a jornais, revistas, internet, noticiários do rádio e da TV. Mas há intrincadas barreiras entre o emissor e o receptor da mensagem, desde as limitações econômicas até a questão da linguagem. Quem, ao redigir uma notícia, se preocupa com o grau de instrução ou idade do leitor/ouvinte/espectador?

É por meio da informação que um povo constrói seu senso crítico e exerce os direitos de opinar e optar. Ao bom jornalismo compete oferecer dados suficientes para que, a partir deles, cada cidadão elabore a própria convicção e assuma um comportamento coerente com suas crenças.

Foi pensando em tudo isso que, aos 33 anos de jornalismo profissional, resolvi produzir material específico para crianças. Em 17 de abril deste ano, lancei o primeiro livro da série ‘Deu no Jornal’, abordando um fato que chamou a atenção da mídia da Baixada Santista e bem pode ser representativo da situação ecológica vivida por todo o país: o aparecimento e permanência de um jacaré em uma lagoa situada em um dos morros mais habitados e urbanizados de Santos (SP).

O objetivo é que, de forma lúdica, os pequenos leitores conheçam melhor fatos que escutam os adultos comentar ou vêem anunciados na TV, e assim possam compreender melhor sua realidade e ter opinião própria a respeito. Ao mesmo tempo, a narrativa apresenta-lhes palavras não muito comuns em seu dia-a-dia – ou que até falam, sem compreender direito o que significam –, acompanhadas por um breve tira-dúvidas.

Acesso merecido

A série é produzida de forma artesanal, por enquanto, com tiragem limitada – os exemplares praticamente se esgotaram, na tarde de lançamento. Mas a idéia é apresentar a obra às escolas da região e convidá-las a adotar os livros como alavanca para debates em classe, exposições, dissertações etc. Uma professora de espanhol está providenciando a versão da primeira edição, a fim de que o livro possa ser utilizado nas aulas do idioma para crianças, uma vez que é pouco o material disponível para essa faixa etária e o assunto interessa a quem mora na Baixada Santista.

Outros temas virão, em princípio a cada bimestre, dependendo dos acontecimentos veiculados na mídia. O jacaré da lagoa foi feito em versos, traz desenhos coloridos e uma foto do réptil em seu recente habitat. Os próximos poderão apresentar novos recursos, como colagens e até textos em prosa.

O objetivo da coleção, porém, será sempre o mesmo: abrir novas perspectivas de conhecimento para os pequenos, dando a eles o merecido acesso à informação de qualidade e a chance de ocupar na sociedade seu papel de cidadãos.

******

Jornalista e escritora, e-mail (madomartins@ig.com.br)

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem