Terça-feira, 24 de Outubro de 2017
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº963

ARMAZéM LITERáRIO > BIBLIOTECA NACIONAL

Memória do país em risco

01/03/2005 na edição 318

Convocamos os interessados na preservação da memória nacional a se juntarem ao corpo de funcionários da Coordenadoria de Publicações Seriadas da Biblioteca Nacional, no repúdio a atual administração que prepara-se para enviar para um local sem condições mínimas para guarda de acervo, diários oficiais e jornais originais muitas vezes únicos existentes no País.

Tão destruidor quanto o fogo ou a água é a má administração.

Rio de Janeiro, 27 janeiro 2005

Funcionários da Coordenadoria de Publicações Seriadas da Biblioteca Nacional (Brasil) – (diper@bn.br)



E-mail enviado ao Ministro da Cultura, Gilberto Gil, em 18/2/2005

Ilustre Ministro,

As Entidades de Classe do Rio de Janeiro – Conselho Regional de Biblioteconomia, 7ª Região (CRB-7) e Sindicato de Bibliotecários do Estado do Rio de Janeiro (SINDIB/RJ) solicitam sua atenção para o ofício em anexo e aguardam pronunciamento.

Saudações bibliotecárias!

Mariza Russo, Presidente – CRB-7 (crb7@br.inter.net)

José Renato Lopes de Oliveira, Presidente – SINDIB/RJ

***

O Conselho Regional de Biblioteconomia, 7ª Região, (CRB-7) e o Sindicato de Bibliotecários do Estado do Rio de Janeiro (SINDIB/RJ) estiveram presentes na Biblioteca Nacional (BN), no dia 16/02 p.p., com o objetivo de verificar a denúncia veiculada na mídia eletrônica, com respeito ao projeto da Administração da BN visando à transferência de acervo de publicações seriadas para local inapropriado.

Na ocasião, foram ouvidos alguns funcionários – principalmente bibliotecários – os quais vêm convivendo com a situação de precariedade nas instalações físicas da BN há algum tempo. Esses profissionais, com formação adequada para avaliar os fatos, vêm tentando – desde abril de 2004 – demover a Administração da BN de tal plano, até que o Anexo, para o qual o acervo será remanejado tenha plenas condições para abrigar obras de relevância para a memória do país.

Em virtude de os pareceres apresentados, formalmente, pela equipe da Coordenadoria de Publicações Seriadas da BN não terem sido considerados, os funcionários da referida Coordenação veicularam protesto – eletronicamente – solicitando apoio da Sociedade em geral, maior interessada na preservação da memória brasileira.

Este fato provocou a exoneração da responsável pela Coordenadoria, a bibliotecária Maria Angélica Brandão Varella (reg. 4258), que estava unicamente cumprindo seu dever profissional, conforme o Código de Ética da profissão de Bibliotecário:

** ‘Observar os ditames da ciência e da técnica, servindo ao poder público, à iniciativa privada e à sociedade em geral’ (Seção II, Art.2º, Inciso b);

** Contribuir como cidadão e como profissional para o incessante desenvolvimento da sociedade e dos princípios legais que regem o país’ (Seção II, Art.2º, Inciso e);

** ‘Preservar o cunho liberal e humanista de sua profissão, fundamentado na liberdade da investigação científica e na dignidade da pessoa humana’ (Seção II, Art. 3º, Inciso a);

** ‘Exercer a profissão aplicando todo o zelo, capacidade e honestidade no seu exercício’ (Seção II, Art. 3º, Inciso b);

** ‘Ser leal e solidário, sem conivência com erros que venham a infringir a ética e as disposições legais que regem o exercício da profissão’ (Seção II, Art. 5º, Inciso a);

** ‘Zelar pelo prestígio da Classe, pela dignidade profissional e pelo aperfeiçoamento de suas instituições’ (Seção II, Art. 6º, Inciso b);

** ‘O Bibliotecário deve interessar-se pelo bem público e, com tal finalidade, contribuir com seus conhecimentos, capacidade e experiência para melhor servir a coletividade’ (Seção II, Art. 8º).

Tal fato, aliado à desconsideração às reivindicações dos funcionários da BN não pode passar sem que as entidades de classe do Rio de Janeiro (CRB-7 e SINDIB/RJ) manifestem seu repúdio e peçam esclarecimentos da Administração da BN sobre os mesmos.

Por outro lado, as entidades esperam que o Ilustríssimo Senhor Ministro da Cultura, com sua sensibilidade comprovada por sua carreira no cenário cultural do país, interceda com a Administração da BN, no sentido de dar credibilidade aos funcionários que respeitam eticamente sua profissão e se interessam pela preservação do maior espaço cultural desse país.

Saudações bibliotecárias,

Mariza Russo (Reg 2523), Presidente CRB-7

José Renato Lopes de Oliveira (Reg. 5080), Presidente SINDIB/RJ

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem