Quinta-feira, 21 de Setembro de 2017
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº958

ARMAZéM LITERáRIO > EGITO

ONGs criticam condenação de blogueiro

09/03/2007 na edição 423

No início do mês, Abdel-Karim Suleiman se tornou o primeiro blogueiro egípcio preso, sendo condenado a quatro anos de prisão, informa Alaa Shahine [Reuters, 4/3/07]. ‘Embora em número pequeno, os blogueiros se firmaram como uma mídia alternativa no país’, afirma Ehab el-Zalaky, editor do jornal semanal independente al-Dustor. Os blogs também fornecem uma plataforma para as minorias religiosas e sociais cujos assuntos raramente encontram espaço na mídia tradicional.


Suleiman foi acusado de incitar ódio contra muçulmanos e insultar o presidente do Egito em oito artigos escritos por ele desde 2004. Blogueiros e organizações de defesa dos direitos humanos criticaram a condenação e temem que o caso abra precedentes para a instalação da censura à rede no país, que conta com cinco mil blogs em uma população de mais de 70 milhões de pessoas.


O ministro do Exterior criticou as reações ao veredicto e afirmou que se trata de um problema interno, cabendo assim ao judiciário decidir sobre o caso. Suleiman mostrava confiança de que a situação se reverteria. ‘Não estou assustado. Não volto atrás em nada do que escrevi’, afirmou ele em seu blog logo após ser preso, em novembro.

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem