Sexta-feira, 21 de Setembro de 2018
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº1005
Menu

ARMAZéM LITERáRIO > MÍDIA ESPORTIVA

Quero o programa da Band

27/04/2004 na edição 274

A única coisa que presta na nossa televisão são os telejornais, e olhe lá. Gosto de ter liberdade de escolha. Às vezes posso não querer assistir a um jogo que a TV está transmitindo, principalmente quando o comentarista é o ex-árbitro de futebol José Roberto Wright, que é muito bairrista, não sabe fazer comentários imparciais especialmente quando é contra clubes cariocas. Se a Globo comprou os direitos para transmissão não posso fazer nada, mas quero ver as matérias esportivas completas na Bandeirantes. É o único horário em que posso assistir.

Da mesma maneira que não perguntaram à sociedade se é justo ou não gastar dinheiro nosso (impostos) para socorrer as más administrações da Globo, por favor, não queria me privar de ver o programa esportivo que eu desejo (proibindo a Bandeirantes de fazer imagens, diga-se de passagem, melhores do que a de vocês, pois eles mostram os lances completos, o gol e a comemoração). Se isso continuar a acontecer procurarei nosso departamento jurídico, para ver se o Estatuto do Torcedor me ampara para entrar com liminar para resguardar meu direito. Caso não haja esta possibilidade jurídica vou começar uma manifestação em Goiás e depois em todo o país sobre se é justo a Globo bloquear outra emissora. Ou receber dinheiro do governo quando nós, estudantes não temos dinheiro para pesquisa e crédito educativo.

Wellington Teixeira



Inimigo dos disfarçados

Kajuru é polêmico e visto com maus olhos por parte da imprensa e também por quem é crítico de imprensa justamente por falar muitas verdades e denunciar os falsos jornalistas esportivos disfarçados de garotos-propaganda que estão há anos na mídia.

André Victor Sartorelli, estudante, São Paulo



Sem minha audiência

É deprimente a posição em que esse cidadão resolveu colocar-se em relação aos demais profissionais da imprensa esportiva e também em relação a clubes e torcidas de que ele não gosta. Ele ofende sem o menor pudor ou temor seja lá quem for e se acha o dono da verdade. A minha audiência, vocês podem ter certeza, ele nunca terá.

Paulo Henrique Santos, bancário, São Paulo



Reencarnação do NP

Só mesmo a Marlene Mattos e o Johnny Saad para agüentar este boquirroto. O Kajuru nada mais é que a reencarnação do jornal Notícias Populares.

Veimar Miranda de Souza, administrador de empresas, São Paulo

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem