Sexta-feira, 24 de Novembro de 2017
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº967

ARMAZéM LITERáRIO > CONSUMISMO

Revistas de compras revolucionam mundo da moda

17/02/2004 na edição 264

Em pouco mais de três anos, o mercado editorial deu à luz um novo gênero de revistas que hoje faz grande sucesso e influencia o mundo da moda. São revistas de moda que funcionam como guias de compras, ensinando às mulheres o que usar e onde comprar. A mais famosa delas é a Lucky, criada pela Condé Nast em 2000.

Desde o surgimento deste novo gênero, o impacto no mundo da moda tem sido considerável. Revistas como a Lucky, segundo The Wall Street Journal [10/2/04] estão determinando que estilos vendem, onde eles são encontrados e quem os usa. Algumas lojas dobraram as vendas de itens selecionados pelos editores e apresentados nas páginas da revista. Sua circulação hoje é de 900 mil exemplares, e a venda de publicidade em suas páginas cresceu 46% no último ano.

O sucesso da Lucky inspirou a criação de outras revistas, como a Shop Etc. O clima começa a esquentar. A Hearst Corp., que irá publicar a nova revista, recusa-se a divulgar detalhes, temendo que os cncorrentes roubem suas idéias. A Shop Etc terá uma circulação inicial de 400 mil exemplares. Mandi Norwood, que será editora da publicação, afirma que busca por um público mais maduro do que o da Lucky. Sem mais detalhes, apenas promete que as leitoras vão querer ‘lamber as páginas’. A concorrência que se cuide.

Homens são novo público-alvo

Quando o assunto é vaidade, o gênero é secundário. Nos últimos tempos, os homens têm se mostrado consumistas vorazes, animando o surgimento de títulos semelhantes à Lucky, numa versão masculina. Enquanto a venda de vestuário esportivo feminino teve uma queda de 3% nos últimos dois anos, a de masculino cresceu 5%. O mercado editorial notou aí uma brecha para um novo tipo de publicação. Mês que vem, dois guias de compras para homens estarão nas bancas. Cargo será publicado pela Condé Nast, dona das revistas Vogue e Glamour; Vitals, pela Fairchild, responsável pela revista de moda W.

Os dois guias não negam a inspiração no sucesso da Lucky. Inicialmente, Cargo terá seis edições por ano, com uma tiragem mínima de 300 mil exemplares, e irá apresentar uma ampla gama de produtos e serviços. Já Vitals, que pretende ser mais direcionada a moda, será publicada quatro vezes ao ano, com tiragem de 150 mil exemplares. Com informações de David Carr [The New York Times, 9/2/04].

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem