Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº970

ARMAZéM LITERáRIO > DIRETO DO ALASCA

Sarah Palin e as mágoas com a mídia

13/01/2009 na edição 520

A eleição americana acabou, Barack Obama será empossado no próximo dia 20/1, e Sarah Palin continua reclamando da mídia. Desta vez, diretamente de Wasilla, no Alasca, a governadora e ex-candidata à vice-presidência dos EUA definiu de ‘muito assustadora’ a cobertura que a imprensa fez de sua família durante a campanha e ainda alfinetou a apresentadora Katie Couric, que a entrevistou no fim de setembro. ‘Katie, você não é o centro do universo de todo mundo’, disparou.


As declarações foram feitas em entrevista ao radialista que virou documentarista John Ziegler, que usará trechos da conversa em seu DVD Media Malpractice: How Obama Got Elected (Má atuação da mídia: como Obama foi eleito, tradução livre), que será lançado em breve. ‘Eu acho que esta mulher foi assassinada pela mídia’, continua Ziegler o ataque, ressaltando que pretende corrigir este registro histórico com seu filme.


Rumores


Na entrevista, Sarah diz que sua assessoria de imprensa ainda recebe ligações sobre o boato de que ela não seria a verdadeira mãe de seu filho mais novo, Trig, completando que acha isso ‘absurdo’ e se sente ‘frustrada’. ‘Quando começamos a aceitar blogueiros, blogueiros anônimos principalmente, como fontes de notícias? É algo triste na mídia hoje, especialmente na mídia tradicional, a confiança em blogueiros anônimos para se obter informações factuais’, completou.


A governadora também se irritou quando veículos de mídia passaram a reportar que sua filha mais velha, Bristol, havia abandonado os estudos depois de engravidar do namorado. ‘Eu pedi a alguns veículos que corrigissem isso, e eles não o fizeram’, diz ela, que ligou para a Associated Press, People e Anchorage Daily News na semana passada.


Sarah Palin tornou-se alvo preferido dos holofotes após sua indicação surpresa para a chapa de John McCain no Partido Republicano, em agosto. Suas qualificações para o cargo foram imediatamente questionadas, e sua família – de cinco filhos – tornou-se centro das atenções, especialmente depois que a gravidez de Bristol, de 17 anos, veio à tona. O jeito de falar e vestir de Sarah passou a ser imitado em um esquete de sucesso pela comediante Tina Fey, no Saturday Night Live, e a própria Sarah chegou a participar da brincadeira. Informações de Howard Kurtz [Washington Post, 9/1/09].

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem