Segunda-feira, 25 de Setembro de 2017
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº958

CADERNO DA CIDADANIA > VIGILÂNCIA & PRIVACIDADE

Google pressiona governo dos EUA a reformar vigilância digital

Por ‘OG’ em 31/03/2015 na edição 844
Reproduzido do Globo.com, 26/3/2015; título original “Google junta-se a outros gigantes tech para pressionar governo dos EUA a promover reforma na política de vigilância digital em massa”

O Google, junto com outros gigantes da tecnologia como AOL, Apple, Dropbox, Evernote, Facebook, LinkedIn, Microsoft, Twitter e Yahoo, está pedindo ao Congresso dos EUA para acabar com a coleta em massa de metadados de comunicações digitais entre americanos por agências do governo, como a NSA.

De acordo com o site “The Next web”, a coalizão denominada “Reform Government Surveillance“ (Reformem a Vigilância Governamental), composta de dez grandes empresas de tecnologia, está se unindo a grupos da sociedade civil e a associações comerciais para exortar os legisladores a assegurar uma maior transparência e prestação de contas em torno de programas de vigilância.

O grupo enviou uma carta ao presidente americano Barack Obama, ao diretor de inteligência nacional James Clapper, ao diretor da NSA almirante Michael Rogers e outros, pedindo reformas antes da data de expiração da Seção 215 do USA Patriot Act, em maio.

O mesmo grupo de empresas previamente promoveu o USA Freedom Act, em novembro de 2014, para reduzir a coleta maciça de dados pela NSA, mas a iniciativa não teve sucesso.

Outra iniciativa bem intencionada mas fracassada foi o movimento “Reset The Net“, que promoveu para 5 de junho de 2014 a instalação de várias contramedidas à espionagem pela NSA, tando por parte de desenvolvedores quanto de usuários comuns da internet. Mal divulgada, a campanha teve resultados pífios. Eis o vídeo promocional dela:

No entanto, este movimento do ano passado deixou um legado interessante: o Privacy Pack – uma recomendação de ferramentas de defesa que qualquer usuário pode adotar de modo a reduzir significativamente a possibilidade de ser espionado pela NSA e outras agências.

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem