Quarta-feira, 12 de Dezembro de 2018
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº1017
Menu

CADERNO DA CIDADANIA >

Comemorações do centenário da ABI

Por ABI Online em 05/04/2008 na edição 479

Um concerto com a interpretação de obras de Villa-Lobos com arranjos jazzísticos abriu na terça-feira (1/4), no Palácio Itamaraty, no Rio, as comemorações do centenário da Associação Brasileira de Imprensa, que transcorre no dia 7. O recital integra o projeto Música no Museu, da Casa França-Brasil, cujo ex-presidente e embaixador Marcos Azambuja teve a iniciativa de dedicá-lo aos cem anos da ABI.


A primeira semana da programação do centenário incluiu ainda uma sessão da Academia Brasileira de Letras em homenagem à ABI, na quinta-feira (3/4), no Petit Trianon, e o ‘Show do centenário’, com a participação da Orquestra Petrobras Sinfônica, sob a regência do maestro Isaac Karabtchevsky, e de Paulinho da Viola, às 20h do dia 7, no Teatro Municipal do Rio. A essa sessão de gala estarão presentes o presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o governador Sérgio Cabral e outras personalidades de diferentes setores da sociedade, entre as quais dezenas das cerca de 180 que aceitaram o convite para integrar a Comissão de Honra do Centenário da ABI. 


ABL, anistia, selo


A sessão especial da Academia Brasileira de Letras foi dedicada a homenagear ex-presidentes da ABI, a começar por seu fundador, o catarinense Gustavo de Lacerda, cuja trajetória foi descrita por seu biógrafo, o jornalista e escritor Moacir Pereira. A seguir, o jornalista, professor e historiador Fernando Segismundo, único ex-Presidente da ABI vivo, falou sobre Herbert Moses, com o qual começou a trabalhar muito jovem, em 1936; Villas-Bôas Corrêa, decano da crônica política do país, discorreu sobre Prudente de Moraes, neto, com o qual trabalhou na reportagem política desde o fim dos anos 1940. Cícero Sandroni, presidente da Academia, prestou homenagem a Barbosa Lima Sobrinho, que foi três vezes presidente da ABI – a última de 1978 a 2000, ano de sua morte – e teve Sandroni como um dos principais companheiros de diretoria. Encerrando a sessão, o acadêmico, jornalista e escritor Murilo Mello Filho falou sobre a atuação da ABI ao longo desses cem anos. 


No dia 4, a partir das 10h, a Comissão de Anistia do Ministério da Justiça realizou na sede da ABI uma sessão de julgamento de processos de jornalistas e viúvas de jornalistas – entre as quais as de George de Barros Cabral, Julieta Moreira Cabral, e Octávio Malta, Rosa Gomes Malta, ambas de 84 anos. O ministro Tarso Genro fez a abertura do ato, conduzido pelo presidente da Comissão de Anistia, Paulo Abrão Pires Júnior. 


No dia 6, às 18h15, no Hipódromo da Gávea do Jockey Clube Brasileiro, Páreo Centenário da Associação Brasileira de Imprensa, 8º da tarde-noite turfística, que inclui o Grande Prêmio Zélia Peixoto de Castro e o Grande Prêmio Antonio Joaquim de Castro Júnior.


No dia 7, às 11h, no Edifício Herbert Moses (Rua Araújo Porto Alegre, 71, no centro do rio), sede da ABI, será lançado o selo comemorativo do centenário, em ato com a presença do presidente da Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (ECT), Carlos Henrique Custódio, que virá de Brasília para a solenidade. A emissão foi determinada pelo Ministro das Comunicações, senador Hélio Costa. O selo põe em relevo a figura do fundador Gustavo de Lacerda e a imagem da sede da ABI, primeiro marco da moderna arquitetura brasileira, construído entre 1936 e 1938 e tombado em 1984 pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan). 


A programação do Centenário se estenderá até março de 2009, com iniciativas como exposições, seminários e edição de obras. Nas primeiras semanas, acontecerão os seguintes eventos: 


** Dia 8 de abril, às 22h30, na TV Brasil, com transmissão para outras emissoras públicas de televisão, o programa Observatório da Imprensa será dedicado à ABI e sua história. Apresentação: Alberto Dines.


** Dia 9 de abril, às 16h, no Auditório Machado de Assis, da Biblioteca Nacional do Rio de Janeiro, abertura do Ciclo 2008: Estudos Comemorativos do Projeto Quarta às Quatro, com exposição do tema ‘Os cem anos da Associação Brasileira de Imprensa’, pelo presidente da ABI, jornalista Maurício Azêdo.


** Dia 10 de abril, às 10h, no Senado Federal, Sessão Solene em homenagem à ABI, convocada por iniciativa do Senador Inácio Arruda (PCdoB-CE).


** Dia 10 de abril, às 16h, na sede da Ordem dos Advogados do Brasil/Seção do Estado do Rio de Janeiro, homenagem à ABI durante a sessão do Conselho Seccional da OAB-RJ.


** Dia 11 de abril, às 18h30, na Assembléia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro, sessão solene de entrega à ABI da Medalha Tiradentes, concedida por proposta do deputado André do PV. 


** Dia 16 de abril, às 16h, no Auditório Machado de Assis, da Biblioteca Nacional, segunda sessão do Projeto Quarta às Quatro dedicada aos cem anos da ABI, tendo como conferencista o jornalista Villas-Bôas Corrêa. 


** Dia 16 de abril, às 18h30, na Câmara Municipal do Rio de Janeiro, sessão solene de entrega à ABI do Conjunto de Medalhas de Mérito Pedro Ernesto, concedidas por requerimento de autoria do vereador Stepan Nercessian (PPS), também autor do requerimento de realização da sessão.


** Dia 17 de abril, sessão especial da Academia Paulista de Letras em homenagem ao centenário da ABI. 


** Dia 29 de abril, às 10h, na Câmara dos Deputados, realização da III Conferência Legislativa de Liberdade de Imprensa, em comemoração do Dia Mundial da Liberdade de Imprensa (8 de maio), instituído pela Unesco. A iniciativa é da Associação Nacional de Jornais (ANJ), da Sociedade Interamericana de Imprensa (SIP) e da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura, com co-patrocínio da ABI. O tema é ‘A nova Lei de Imprensa’.


** Dia 8 de maio, às 19h30, no Teatro Ney Soares (Rua Diamantina, 463 – Lagoinha – Belo Horizonte-MG), cerimônia de abertura do III Congresso da Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo (Abraji). Este ano, o evento, que estenderá até o dia 10, é dedicado ao centenário da ABI.


** Dia 19 de maio, no plenário do terceiro andar do edifício-sede da Ordem dos Advogados do Brasil (SAS, Lote l, Bloco M – Brasília-DF), homenagem do Conselho Pleno da OAB ao centenário da ABI. O Conselheiro Vitalício Marcello Lavénère Machado, ex-presidente do Conselho Federal da Ordem, fará a saudação oficial em nome da instituição.


** A programação contará ainda com atos em São Paulo, em datas a serem fixadas. Estão programadas reunião extraordinária do Conselho Municipal de Educação da capital, por iniciativa do Presidente do CME, João Gualberto Meneses, membro da Comissão de Honra do Centenário; sessão especial do Instituto Histórico e Geográfico de São Paulo, por iniciativa de sua presidente, Nelly Candeias, também integrante da Comissão de Honra; e homenagem na Faculdade de Comunicação das Faculdades Integradas Alcântara Machado. 


** Uma programação especial para comemorar o centenário da ABI também será realizada em Florianópolis, sob a coordenação de uma comissão criada pelo Governador Luiz Henrique Silveira e presidida pelo Secretário de Comunicação Social do Governo do Estado, com a participação da Associação Catarinense de Imprensa (ACI), que está planejando uma série de eventos. 

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem