Segunda-feira, 17 de Dezembro de 2018
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº1017
Menu

CADERNO DA CIDADANIA >

Jornalista decapitado em Minas

Por FSP em 26/05/2015 na edição 852

Após cinco dias desaparecido, um jornalista foi encontrado decapitado, seminu e com as mãos amarradas na zona rural do município Padre Paraíso (MG), região do Vale do Jequitinhonha.

A polícia local trabalha com as possibilidades de crime político ou passional.

Evany José Metzker, de 67 anos, mantinha um blog de notícias da região chamado “Coruja do Vale”. Ele publicava casos de violência e fazia críticas à administração pública, com reportagens sobre falta de limpeza em córregos e denúncias como uso irregular de veículos oficiais.

Pedaços do corpo do jornalista foram encontrados pela Polícia Militar na segunda-feira, dia 18. A cabeça estava longe do tronco. Na terça-feira (19/5), a Polícia Civil conseguiu identificar o corpo.

Por meio da assessoria, a delegada que cuida do caso, Fabricia Nunes, descarta que tenha sido latrocínio (roubo seguido de morte), já que nada foi levado da vítima. Cartões e cheques, entre outros pertences, foram achados no local do crime.

A delegada, que não quis dar entrevista, aguarda laudos da perícia para tomar decisões sobre a investigação.

O corpo de Evany Metzker foi sepultado em Medina, município próximo a Padre Paraíso.

Na tarde de terça (19), a polícia voltou à cena do crime para realizar novas diligências.

Nota

O Sindicato dos Jornalistas de Minas Gerais divulgou nota oficial em que manifesta “repulsa” e pede “apuração rigorosa” do caso.

“O sindicato não aceita que a hipótese de o assassinato estar relacionado ao exercício da profissão de jornalista seja descartada antes de uma rigorosa e isenta investigação”, diz o comunicado da entidade.

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem