Quarta-feira, 20 de Junho de 2018
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº991
Menu

CADERNO DA CIDADANIA > ITU, SP

Na cidade dos exageros falta liberdade de imprensa

Por Oséas Singh Jr. em 07/11/2006 na edição 406

A 90 quilômetros de São Paulo, a cidade de Itu está reeditando a ditadura, que em vez de ser militar é municipal. O atual prefeito, Herculano Junior (PV), após diversas manobras políticas, conseguiu o ‘apoio’ de todos os veículos de comunicação da cidade.

Herculano se elegeu utilizando a TV Convenção, uma retransmissora da TV Educativa, do Rio de Janeiro. Como vereador, apresentava um programa rural. No mesmo canal, também utilizou o Programa Oliveira Junior, que veio a se eleger vice-prefeito de Itu.

Já no poder, Herculano se desentendeu com o vice-prefeito e com a direção da TVC. Criaram denúncias (falsas) de que a TV era pirata e chegaram a tirá-la do ar. Nenhuma dessas arbitrariedades deu certo. Aí então resolveram montar um canal próprio, utilizando os serviços de seu assessor de imprensa particular.

A última trincheira

Ironia do destino, a Anatel esteve no município para verificar a denúncia contra a TVC e acabou lacrando o outro canal, ligado ao prefeito. Daí só lhes restou ‘invadir’ a TVC, utilizando uma quebra de contrato e a Guarda Municipal. A disputa foi parar na Justiça. Enquanto isso a população ituana assiste bestificada as mesmas pessoas que atacavam a TVC dizerem que ela é do povo.

Jornais, revistas e rádios da cidade não dizem nada, pois recebem publicidades da prefeitura. Dos 12 vereadores, nove lêem na cartilha do prefeito. Nenhum requerimento da oposição é aprovado. Inclusive para se saber a soma estratosférica que é gasta em propaganda. Nem mesmo pelo Ministério Público foi possível obter essas informações.

A TVC era a última trincheira que guardava a liberdade de imprensa em Itu.

******

Jornalista, professor universitário, mestre em História da Arte e da Cultura pela Unicamp, Itu/Salto, SP

Todos os comentários

  1. Comentou em 10/11/2006 Luiz Gustavo Arruda Camargo Luz

    A materia divulgada pelo jornalista Oseas Singh Jr nao merece acolhida pelos profissionais de imprensa e jornalistas brasileiros uma vez que o subscritor da noticia serve a interesses politicos locais na cidade de Itu, como se verifica na propria materia divulgada no observatorio de imprensa.

  2. Comentou em 10/11/2006 Luiz Gustavo Arruda Camargo Luz

    A materia divulgada pelo jornalista Oseas Singh Jr nao merece acolhida pelos profissionais de imprensa e jornalistas brasileiros uma vez que o subscritor da noticia serve a interesses politicos locais na cidade de Itu, como se verifica na propria materia divulgada no observatorio de imprensa.

  3. Comentou em 09/11/2006 Oséas Singh Jr.

    Estava demorando… o pelotão do Prefeito entrou em ação. Essa é a estratégia que usam na cidade, confundir a opinião pública.

  4. Comentou em 08/11/2006 Michele de Freitas

    O povo ituano paga impostos como qualquer outro cidadão, e tem o direito de ter na sua cidade uma Tv que mostre o que há de melhor nela, e que nos mostre o que os prefeitos e vereadores (Itu, Salto e outras cidades) estão fazendo por nós. Alem disso, também tem o direito a lazer, entretenimento, informação, musica, etc.
    De todos os programas que há duas semanas, aproximadamente, nós podíamos assistir com a família, hoje só restou um único programa, “plagio” mal feito, de um outro já existente na TVC (na forma original, de excelente conteúdo), que fica bajulando o Prefeito, (sem mostrar realmente o autoritarismo que reina em nossa cidade), usando a desculpa de que estão zelando pela honra de pessoas já falecidas, zombando de profissionais competentes do meio de comunicação e distorcendo toda verdade.
    Por favor, senhores! Já basta!
    Espero que o MP faça algo urgente!

  5. Comentou em 08/11/2006 Ismael Lago ferreira

    Estamos todos boquiabertos, frente ao absolutismo que o atual prefeito impõe aqui em Itu.
    Com um discurso em que diz que Itu mudou, utiliza os mesmos métodos, e em alguns casos com maior agressividade que o Prefeito anterior que ele sempre criticava. Mas o Prefeito anterior, mesmo tendo a Tvc contra ele, nunca tentou fecha-la, obrigando-a mudar até de local, como o atual Prefeito fez e vem fazendo.
    Rídicula passou a ser a nova programação, em maõs de seus assessores, para divulgar a Administração sem aceitar ou conceder espaços para criticas, ainda que contrutivas.
    Com certeza o Ministério Público há de se manifestar, frente a tamanha demonstração de autoritarismo que nos lembra os mais terriveis tempos que a Republica viveu…

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem