Sábado, 18 de Novembro de 2017
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº966

CADERNO DA CIDADANIA > SÃO JOSÉ DOS CAMPOS, SP

Radialista é baleado no centro da cidade

Por Ricardo Faria em 27/11/2007 na edição 461

O radialista João Carlos Alckim recebeu dois tiros no começo da noite de quinta-feira (22/11), no centro de São José dos Campos (SP). Ele está internado na Santa Casa da cidade e não corre risco de vida. Alckim foi operado na manhã de sexta-feira para a retirada das balas. Antes, disse, por telefone, que estava passeando com seu cachorro no final da tarde de quinta-feira, na Rua Antonio Morais de Barros, quando recebeu um tiro na nuca disparado por um desconhecido. Ao se virar foi novamente baleado, desta vez no braço. Depois dos tiros, o marginal saiu numa moto em direção à Avenida São José.

João Alckim é conhecido por suas críticas contundentes nos microfones da Rádio Piratininga AM, nas manhãs de sábado, a partir das 10 horas, no programa Show Time.

Consultado por telefone, o delegado Gilmar Guarnieri, da Polícia Civil, afirmou que apesar de estar em Santos, gozando uma licença, tomou conhecimento dos fatos e que, certamente, se tratava de um atentado contra a vida do radialista João Carlos Alckim.

Crimes hediondos

Há quase dois anos, o empresário Fernando B. Costa foi assassinado com 12 tiros, um crime até agora não desvendado. Há poucos meses, um advogado que trabalha com Tania Liz, mulher de Alckim, também foi baleado no pescoço. Desta vez, o próprio radialista João Alckim foi atingido.

Apesar de ser o maior pólo tecnológico da América Latina e a segunda arrecadação do estado de São Paulo, São José dos Campos tem sido palco de crimes hediondos, a exemplo dos que ocorrem nas cidades onde a pistolagem age livremente.

******

Jornalista, São José dos Campos, SP

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem