Quinta-feira, 21 de Junho de 2018
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº992
Menu

CIRCO DA NOTíCIA > OPINIONISMO

Incontinência propagandística

Por Mauro Malin em 23/02/2012 na edição 682

A coluna, no caderno Mercado da Folha de S. Paulo (23/2), começa assim:

“No feriado prolongado desta semana, mais uma vez o Facebook foi a minha principal fonte de informação. Por meio de meu feed de notícias, fiquei sabendo onde estavam os meus amigos e o que estava acontecendo no mundo.”

E termina assim:

“Alexandre Hohagen, jornalista, 44 anos, jornalista e publicitário, é responsável pelas operações do Facebook na América Latina”. Etc.

Um pouco mais de continência propagandística não faria mal ao opinionista. E evitaria a percepção de que ele considera seus leitores uns bobos.

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem