Quinta-feira, 23 de Novembro de 2017
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº967

CÓDIGO ABERTO > Desativado

Os espertos e os fanáticos

Por Mauro Malin em 08/02/2006 | comentários

Aonde a coisa (não?) vai parar: noticia-se no site de press-releases da PRWeb que a empresa MetroSpy joga querosene no fogo com a venda de provocativas camisetas onde está estampada a charge que deu origem à onda de protestos violentos de muçulmanos.


Nate Thomas, gerente de produtos da MetroSpy, que trabalha na faixa do extremismo de direita, usa a seguinte retórica para defender a (aparentemente lucrativa) provocação:


“Não podemos deixar que os terroristas vençam. Não podemos estimular esse comportamento incivilizado cedendo a seus intentos’.

Todos os comentários

  1. Comentou em 08/02/2006 Joao Carlos

    As charges são bem humoradas e não agridem a integridade da cultura árabe; mas o exagero é o tempero dos radicais que tem seu ganha pão no extremismo e na ignorância do povo muçulmano.
    Infelizmente quando o Estado tem na religião seu fator de agregação de um povo temos a perda do humor e da democracia em troca de tabus e dogmas.
    Só espero que quem sai com esta camiseta não seja abraçado por um homem bomba em busca de suas virgens.

  2. Comentou em 08/02/2006 Jorge Oliveira

    Ao julgar o apetite dos extremistas muçulmanos, doido será aquele que comprar e usar tais camisetas. É como diz o ditado ‘malandro demais vira bicho’.

Código Aberto

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem