Quarta-feira, 17 de Outubro de 2018
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº1009
Menu

CÓDIGO ABERTO >

Principais portais online da imprensa diária evitam viés regionalista

Por Carlos Castilho em 13/02/2008 | comentários

A página do Jornal do Brasil na Web é a única entre os  portais dos quatro principais grupos da imprensa diária brasileira a manter uma clara orientação localista em sua política editorial.


 


Na Folha Online, Estadão e G1 (Globo)  não é mais possível identificar um viés regional na publicação das manchetes e fotos mais destacadas na atualização de suas páginas na internet. Mas apesar de serem portais na Web, a maioria ainda mantém  a influência das versões impressas na edição do material noticioso.


 


O monitoramento das edições foi feito três vezes ao dia (manhã, tarde e noite) nos sete dias da semana do carnaval. A observação incluiu apenas o registro da manchete principal e da ilustração predominante, na metade superior da página na Web. Foram recolhidos dados sobre origem geográfica e tema principal das notícias publicadas.


 


A página web do cambaleante Jornal do Brasil está focada intensivamente no público carioca, Nada menos que 84% das manchetes principais e 77% das fotos mais destacadas estavam relacionadas a temas cariocas, no período observado.


 


A página Estadão, apesar de ter por trás um grupo jornalístico historicamente identificado com São Paulo, foi o que mostrou maior equilíbro na distribuição regional de manchetes e fotos.


 


O portal G1, não obstante sua origem carioca, foi o que publicou mais manchetes e fotos sobre temas sobre São Paulo. A principal página jornalística do grupo Globo na Web, dedicou 38% de suas manchetes principais a temas paulistas contra 22% dedicadas ao Rio de Janeiro.


 


Dos quatro portais analisados, a Folha Online foi o que mais espaço dedicou às fotos sobre temas internacionais nas várias edições monitoradas. A página é a única que adota um sistema rotativo de exibição de fotografias, o que explica a forte presença de assuntos estrangeiros entre as ilustrações.


 


Obviamente o carnaval predominou em 80% da agenda noticiosa dos portais, mas a cobertura já não é mais marcada pelo regionalismo. Os desfiles no Rio de Janeiro superaram por pouca margem o espaço em texto dedicado à disputa na passarela paulista.


 


Dos quatro portais, o G1 é o que procura incorporar com mais intensidade os princípios editorais da Web, ou seja, evita ao máximo o transplante da notícia impressa para a versão online. É também o que mais se aproxima da convergência digital e da preocupação multimídia.


 


Os demais, apesar de procurarem se diferenciar das versões impressas, ainda tem muita cara de jornalão. O JB é um caso a parte porque abusa das cores e acaba ficando com um visual de revista de variedades.


 


Conversa com os leitores


Periodicamente vou fazer um monitoramento dos principais portais noticiosos do país visando dar elementos para aprofundar a leitura critica dos mesmos. Não se trata de somente achar erros ou omissões. O objetivo é principalmente identificar tendências por meio da observação prolongada.

Todos os comentários

Código Aberto

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem