Sexta-feira, 24 de Novembro de 2017
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº967

E-NOTíCIAS > MICROBLOGS

As interações humanas pós-web 2.0

Por Hilbert Reis em 30/03/2010 na edição 583

Com a advento da web 2.0 (O´Reilly 2004), a produção e a divulgação de conteúdo independente e pessoal se tornou crescente no ambiente cibernético. Novas formas de interação surgiram, ao passo que, novas ferramentas comunicacionais nasciam. Primeiro com os blogs, e atualmente com os microblogs, os ‘blogs simplificados’ (Zago, 2008), a web vive com um processo revolucionário de interações sociais, que, permite a desburocratização das relações pessoais (compreende-se também o fator espaço-tempo) e a abertura de um novo campo para discussões e exposição de idéias.

O Twitter, servidor de microblogging criado em 2006 por Jack Dorsey é a grande vedete em se tratando de novas ferramentas de relacionamento disponível na web. Dinamicidade, instantaneidade e rapidez são os fatores que o diferencia dos blogs. Em 140 caracteres o usuário pode postar desde uma piadinha, até o link de seu blog, que, invariavelmente, deixará de ter 140 caracteres – colocando em xeque à afirmação de José Saramago, ao dizer que: ‘Os tais 140 caracteres refletem algo que já conhecíamos: a tendência para o monossílabo como forma de comunicação. De degrau em degrau, vamos descendo até o grunhido.’

Interação face-a-face

Saramago provavelmente não seja um grande conhecedor dessa ferramenta revolucionária que é o Twitter, contudo, não devemos ignorar o fato de que nem todos os usuários usam o Twitter da mesma forma. É claro que há aqueles que ficam nas meras piadinhas, ou mesmo, só postam um ‘Husasiausausaisuaio’ (grunido?) ao rir de uma brincadeira de um dos CQCs twitteiros.

A web 2.0 trouxe novas experiências em se tratando de interações pessoais, ao alterar a interação entre as pessoas e a informação, e a interação entre o meio e a mensagem. A única presunção dessa revolução se dá no fato de que ela poderia substituir o contato tête-à-tête. Contudo, isso não acontece, o Twitter, e outros sites de relacionamento são apenas mais uma forma de ‘contato’, não eliminando a tradicional interação face-a-face.

******

Estudante de Comunicação Social /Jornalismo, Mariana, MG

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem