Domingo, 19 de Novembro de 2017
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº966

E-NOTíCIAS > TELETIPO

BBC diminui serviço chinês

06/03/2007 na edição 423

O BBC World Service vai cortar ¼ da equipe responsável pela programação radiofônica na China, em especial funcionários de setores como música e de programas sem enfoque jornalístico. A rede informou que tentará alocar os funcionários do BBC Chinese Service, transmitido em mandarim, em outros setores da empresa. A idéia é focar mais em notícias, após a rede ter se comprometido a aumentar a cobertura dos assuntos referentes à China e ter nomeado um editor chinês para o BBC World Service. As transmissões radiofônicas e o sítio do BBC Chinese Service são alvos freqüentes de interferência e bloqueio na China. Segundo dados recentes, a audiência da rádio em mandarim é de 480 mil pessoas por semana, enquanto a audiência combinada com a rádio em inglês é de 850 mil – o que representa 0,1% da população chinesa. Informações do Guardian [1/3/07].



Colunista do Mirror perde apelação

James Hipwell, jornalista britânico preso por usar informações privilegiadas para manipular o mercado, perdeu a segunda tentativa de apelação de seu caso na semana passada, noticia Megan Murphy [Bloomberg, 28/2/07]. Hipwell, que escrevia a coluna City Slicker para o Daily Mirror, foi acusado em 2005 de criar uma ‘impressão errônea’ sobre valores de ações ao encorajar os leitores a investir em empresas nas quais ele tinha ações. A Corte de Apelações de Londres rejeitou o argumento de Hipwell de que o fato de ele não ter revelado que tinha ações em algumas empresas das quais recomendava não contribuiu para alterar o valor das mesmas. Para o juiz John Dyson, as dicas do jornalista certamente tiveram influência nas escolhas dos leitores e por isso ele não conseguiu sua inocência. Hipwell foi libertado no ano passado e hoje trabalha para um sítio que ajuda apostadores a encontrar competições de pôquer online. Hipwell e o co-colunista Anil Bhoyrul ganharam cerca de US$ 127 mil com o esquema no Mirror. Bhoyrul foi condenado a 180 horas de serviço comunitário e vive atualmente em Dubai.

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem