Quarta-feira, 22 de Novembro de 2017
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº967

E-NOTíCIAS > MENOS INCIDENTES

Internet mais segura

Por Agência Fapesp em 20/11/2007 na edição 460

O Centro de Atendimento a Incidentes de Segurança (Cais), da Rede Nacional de Ensino e Pesquisa (RNP), registrou uma queda de 59% nos incidentes de segurança envolvendo as redes de computadores das comunidades acadêmica e científica brasileiras no terceiro trimestre de 2007 em relação ao mesmo período de 2006.

Foram detectados e tratados pelos técnicos da RNP 8.080 incidentes de segurança, 11,6 mil a menos do que no terceiro trimestre do ano passado.

Dos incidentes, 49,12% referem-se a envio de spam em grande escala, 18,57% a tentativas de invasão de sistemas e 13,89% à propagação de vírus e worms (programa auto-replicante que, diferentemente de um vírus, não precisa de um programa ‘hospedeiro’ para se propagar pelo computador) por meio de botnets (computadores infectados e controlados à distância por atacantes).

Também foram tratados 225 casos de troca de páginas em que o atacante substitui o conteúdo original de uma página web ou inclui conteúdo não autorizado no site atacado, e ainda 88 casos de phishing, ataques que têm por objetivo obter dados confidenciais de usuários.

Diminuir riscos

Segundo a RNP, a queda acentuada é reflexo direto das ações pró-ativas do Cais para identificar e erradicar máquinas infectadas e da maior conscientização das instituições em preservar a operação e a integridade de suas redes.

O nível de infecção de sistemas e ataques têm diminuído, se comparados com as médias mensais de incidentes dos dois últimos trimestres. Enquanto no segundo trimestre de 2007 a média mensal de ocorrências foi de 3.556, no terceiro trimestre a média foi de 2.693 ocorrências por mês. O não aparecimento de um novo worm ou vírus com ação propagadora significante no período observado contribuiu para esse cenário de queda.

O Cais ressalta que manter os sistemas e aplicativos atualizados, seguir uma política de segurança e orientar os usuários são algumas das práticas recomendadas para diminuir os riscos de comprometimento de cada rede, além de contribuírem para o aumento da segurança da internet como um todo.

O Centro de Atendimento a Incidentes de Segurança da RNP trata incidentes de segurança ocorridos na rede nacional acadêmica e científica – rede Ipê –, que conecta cerca de 400 instituições de ensino e pesquisa e mais de um milhão de usuários.

Clique aqui para mais informações.

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem