Quarta-feira, 22 de Novembro de 2017
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº967

E-NOTíCIAS > IMPRENSA ALEMÃ

Investidor inglês expande seus domínios

30/01/2006 na edição 366

O investidor britânico David Montgomery ampliou seu mercado de jornais na Alemanha com a compra de mais um diário, o Hamburger Morgenpost, com sede em Hamburgo, gerando críticas da principal associação de jornalistas do país. A negociação ainda precisa de aprovação de reguladores e seu valor não foi revelado. Montgomery, ex-executivo-chefe do grupo Mirror, começou a investir na imprensa alemã em 2005, com a compra da Berliner Verlag, que publica os jornais Berliner Zeitung e Berliner Kurier – quando pela primeira vez estrangeiros passaram a ter controle acionário de órgãos da imprensa alemã.

O presidente da Associação dos Jornalistas Alemães, Michael Konken, acusou Montgomery de arruinar os jornais em busca do lucro e pediu ao governo para limitar a propriedade estrangeira de empresas jornalísticas no país. ‘Caso contrário, o mercado da imprensa alemã vai se tornar objeto de especulação para investidores internacionais que irão acabar com a mídia local’, afirmou Konken. Montgomery insistiu que a qualidade do jornal comprado não será alterada.

O Hamburger Morgenpost, fundado em 1949, é o tablóide mais antigo da Alemanha, com tiragem de 110 mil cópias diárias. O Partido Social Democrata foi proprietário do jornal por décadas. Informações da AP [27/1/06].

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem