Sábado, 22 de Setembro de 2018
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº1005
Menu

E-NOTíCIAS > PLANETA DIGITAL

Mercado quer outras redes na bolsa

Por Luciana Seabra em 28/05/2011 na edição 643
Reproduzido do Valor Econômico, 20/05/2011

O mercado está pronto para acolher as redes sociais que tomarem a decisão de abrir capital, segundo Alex Ibrahim, vice-presidente e chefe regional para América Latina, Bermudas e Caribe da Nyse Euronext, controladora da Bolsa de Nova York.

Para Ibrahim, a estreia do LinkedIn na Nyse, em valor muito acima do precificado na oferta pública inicial (IPO, na sigla em inglês), vai estimular outras empresas de mídia social a entrarem na bolsa. Segundo ele, a Nyse tem mantido conversas com várias delas, como Facebook, Twitter e com o site de compras coletivas Groupon.

“A demanda existe. São empresas que estão crescendo, que fazem parte do nosso cotidiano e os investidores querem diversificar e participar do crescimento delas”, afirma Ibrahim.

O executivo garante que o mercado vai ver outras redes sociais ingressarem no mercado nos próximos meses.

A respeito da possibilidade de essas empresas fazerem parte de uma bolha, em que são avaliadas muito acima de seu valor real, o representante da Nyse afirma que não pode comentar preços. Para ele, a avaliação dessas empresas deve considerar a perspectiva de crescimento dentro do setor e a possibilidade de inovações.

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem