Terça-feira, 21 de Novembro de 2017
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº966

E-NOTíCIAS > CONTEÚDO ONLINE

NYTimes.com totalmente gratuito

20/09/2007 na edição 451

A New York Times Co. declarou esta semana que encerrará seu serviço pago TimesSelect e tornará a maior parte do conteúdo do sítio disponível gratuitamente, na tentativa de atrair mais leitores e, conseqüentemente, aumentar o lucro publicitário. Segundo a Reuters [17/9/07], o TimesSelect fechou as portas na quarta-feira (19/9), dois anos após seu lançamento. Assinantes pagavam US$7,95 por mês para ler artigos de colunistas renomados como Maureen Dowd e Thomas Friedman.


A mudança indica reconhecimento do NYTimes de que fazer com que os visitantes paguem pelo conteúdo não traz tanto dinheiro quanto oferecê-lo de graça e ter o apoio de un anunciante. ‘Achamos que abrir nosso conteúdo e liberar milhões de novos documentos criarão uma corrente de lucro bem superior ao de assinaturas’, afirmou Vivian Schiller, vice-presidente do NYTimes.com.


O que mudou, segundo nota de Richard Perez-Pena [New York Times, 18/9/07], foi o fato de mais leitores chegarem ao sítio do jornal através de ferramentas de busca e links de outros sítios. Esses leitores indiretos, impossibilitados de acessarem o artigo que procuravam e menos propensos a pagar pelo acesso, passaram a ser vistos como oportunidade de aumentar o número de páginas visitadas e, assim, ampliar a margem de lucro publicitário. ‘Não antecipamos a imensa quantidade de tráfego que chega a nós vindo de sítios como Google, Yahoo e outros’, disse Vivian.


‘Tudo na internet é de graça, então dá para entender por que eles querem fazer essa mudança’, opinou Alan Mutter, ex-editor do San Francisco Chronicle e dono do blog sobre internet e mídia Reflections of a Newsosaur. O desafio a longo prazo é achar maneiras de oferecer conteúdo exclusivamente online em vez de apenas transferir as notícias e imagens impressas. O TimesSelect gerou cerca de US$ 10 milhões de lucro por ano.Previsões do quanto esse lucro aumentará com a abertura ao público não foram reveladas. O serviço incluia acesso online a 23 colunistas, diversas ferramentas para customizar o sítio e um arquivo que data de 1851. No novo modelo, os arquivos estarão disponíveis gratuitamente de 1987 até hoje. Artigos publicados entre 1923 e 1986 serão pagos, com algumas exceções.

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem