Terça-feira, 16 de Julho de 2019
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº1046
Menu

ENTRE ASPAS >

A briga de Carlos Slim, o homem mais rico do mundo

19/04/2011 na edição 638

Folha de S. Paulo, 17/4

Álvaro Fagundes, de Nova York

Até Simpsons viram arma contra homem mais rico do mundo

Disputa entre bilionário mexicano não se resolve só na Justiça. O YouTube, o Twitter e até ‘Os Simpsons’ são as armas usadas pelos rivais de Carlos Slim no confronto contra o homem de US$ 74 bilhões.

De um lado, Slim, o homem mais rico do mundo, afirma que a TV Azteca, de Ricardo Salinas (US$ 8,2 bilhões), a Televisa, de Emilio Azcarraga Jean (US$ 2,3 bilhões), e outras TVs a cabo mexicanas manipulam o mercado de publicidade.

E a resposta do bilionário, que quer entrar no mercado de TV a cabo, foi direta: deixou de comprar publicidade nos canais dos dois grupos televisivos do México e os denunciou na comissão reguladora do setor.

Já os rivais, ao lado de outras empresas de telefonia, acusam a Telcel e a Telmex -operadoras de celular e fone fixo que pertencem a Slim e dominam o mercado mexicano- de cobrar taxas altíssimas de interconexão.

Elas também entraram com denúncias contra as operadoras de Slim, acusando-as de ‘práticas monopolistas’. As duas empresas têm mais de 70% do mercado mexicano de telefonia.

No meio dessa disputa está o mercado de ‘triple play’ (pacote de internet, TV a cabo e telefone). Enquanto Slim busca sua licença, a Televisa e a TV Azteca vêm ganhando cada vez mais espaço nesse setor.

‘SLIMSONS’

A briga judicial pode durar até um ano e meio, mas, na internet e em outras mídias, ela já está bem acesa. O golpe mais duro veio de uma campanha publicitária de página inteira, sobre ‘Os Slimsons’, em alguns dos principais jornais mexicanos.

Com um desenho muito parecido com de Homer Simpson e sua família, a Slimlândia é um lugar em que o serviço de telefonia é bom, as tarifas são baixas e a velocidade de internet é ‘infinita’. Mas, completa o desenho, ‘no México, não’.

A campanha foi paga por um desconhecido grupo chamado Todos os Mexicanos e não se sabe quem é seu financiador. Uma dica talvez esteja no Twitter de Azcarraga, da Televisa (a principal TV do país). Pouco depois de ‘Os Slimsons’ surgirem nos jornais, ele escreveu: www.todoslosmexicanos.org, o que vocês opinam?

O site (ele chegou a sair do ar e agora é dirigido para todoslosmexicanos.com) é uma compilação de vídeos no YouTube e de posts no Twitter reclamando de Slim e da qualidade dos serviços das suas empresas.

Para a Televisa, o boicote das empresas de Slim já começa a fazer efeito. Sua receita com publicidade na TV aberta recuou 1,8% no primeiro trimestre deste ano.

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem