Sábado, 15 de Dezembro de 2018
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº1017
Menu

ENTRE ASPAS >

Eduardo Scolese e Julia Duailibi

11/01/2005 na edição 311

‘Um tour por Brasília que nem mesmo a mais sofisticada agência de turismo do Distrito Federal conseguiria oferecer. O pacote inclui hospedagem no Palácio da Alvorada, churrasco na Granja do Torto, passeio de lancha no lago Paranoá e até um encontro com Pelé. O transporte, por conta da FAB (Força Aérea Brasileira).

Isso ocorreu em julho passado, com custos pagos pela União. As fotos da temporada estão à disposição em fotoblogs na internet. Os turistas, no caso, são adolescentes, amigos do filho mais jovem do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, Luís Cláudio, 19.

Em julho passado, conforme a Folha revelou à época, amigos dos filhos do presidente passaram as férias escolares no Alvorada, com direito a café da manhã, almoço e jantar.

O grupo disponibilizou na internet fotos das férias, classificadas pela maioria de ‘a melhor viagem’ que fizeram na vida.

São seis meninas e oito rapazes que aparecem nas imagens alimentando peixes num pequeno lago, descansando na sala do Alvorada e nos jardins do Torto e fazendo poses pelos corredores do Palácio do Planalto, onde é o gabinete oficial do presidente.

Piscina, passeios e Pelé

Um dos amigos de Luís Cláudio descreveu da seguinte forma um salto que deram na piscina do Alvorada, obra construída em 1958 por Oscar Niemeyer: ‘Aí tá eu, o Lula [Luís Cláudio] e o Gringo pulando na piscina lá de cima!!! Era muito bacana pular de lá, uahuhauahahuuauhahuaa!’.

Em outra legenda, de uma foto tirada no Planalto ao lado da primeira-dama, Marisa Letícia, o adolescente descreve a visita.

‘Essa foto ficou muito boa!!! Nóis lá no Planalto!!! Foi muito loko tá toda a galera e tal! Mais a Marisa hehehehehee! Nem vo fica escrevendu muito porque tô com preguiça!’

As fotos do passeio de lancha pelo lago Paranoá estão entre as que mais aparecem nos álbuns eletrônicos do grupo.

‘Esse dia aí nóis foi anda de lancha!!! Muito presa!!! Tá todos os mulekes menos o Lula! Mas firmeza! Ficou muito boa!!!’, diz uma das legendas.

As férias, de cerca de 15 dias, tiveram ainda direito a passeio pelo Itamaraty e pela praça dos Três Poderes. Além do churrasco, a temperatura mais baixa no mês de julho propiciou um cardápio especial para o grupo: fondue.

Uma das adolescentes lamenta não poder ficar até o final da programação. Ela aparece em uma foto voltando para São Paulo em um jatinho. Na imagem, não é possível afirmar se a aeronave também pertence à FAB.

‘Cheguei hoje de viagem… E que viagem, hein?! Nossa, muitooo boa, uma das melhores que já fui… Foi uma pena eu ter que vir embora antes, mas mesmo assim deu para curtir muito!!! Pessoal aproveitem aí bastante e quero uma foto do Pelé, tá?’

No dia 13 de julho, o grupo assistiu no Alvorada ao filme ‘Pelé Eterno’, ao lado do ex-jogador e do presidente Lula.

Não há uma legislação clara sobre o uso do patrimônio público pelo presidente ou por sua família. Procurada, a Secretaria de Imprensa do Palácio do Planalto afirmou que não se pronunciaria.

As fotos estão nos endereços www.fotolog.net/tata_lulu; www.fotolog.net/feijao_fodao/; www.fotolog.net/gringo_mi/; www.fotolog.net/monique_martan/’

***

‘Fotos de férias no Alvorada saem do ar; Planalto silencia’, copyright Folha de S. Paulo, 7/01/05

‘As fotos das férias dos amigos de Luís Cláudio, filho caçula do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, em Brasília, foram tiradas ontem do ar. O presidente determinou que nenhum órgão da Presidência fizesse comentários sobre as cenas divulgadas na internet.

Reportagem publicada pela Folha ontem mostrou que 14 amigos de Luís Cláudio, 19, estiveram por cerca de 15 dias em Brasília, com direito à hospedagem no Palácio da Alvorada, churrasco na Granja do Torto, passeio de lancha, além de visitas ao Palácio do Planalto.

Além da rotina dos dias de férias, as fotos mostravam os jovens pelos corredores do Planalto, onde registraram encontros com artistas e esportistas. Em seu fotoblog, um dos adolescentes descreveu da seguinte forma um encontro com a atriz Regina Casé, que foi ao Planalto ter audiência com o presidente: ‘Olha nois com a regina cazé…conhecemos ela em um dia ai!! mo preza..conhecemos varias pessoas famosas aqui!! na foto: todo mundo mais a regina caze muito bom! beijos e abraços. ps: mais uma pessoa deixou o grupo(dré) ps2: muitas saudades de quem foi embora e d casa!! ps3: e sim, aqui esta muito bom!’.

Nenhum órgão responsável pela guarda do patrimônio público manifestou-se. O porta-voz da Presidência, André Singer, disse que o presidente não fez a ele, ontem, ‘nenhum comentário’ a respeito do tema. As fotos publicadas que mostram os adolescentes dentro de uma aeronave da FAB foram as que mais desagradaram a Lula, segundo apurou a Folha.

A Comissão de Ética da Presidência disse que atos do presidente não constam de suas atribuições. Responsável pelo controle dos gastos públicos, a CGU (Controladoria Geral da União) disse que o tema estava sob a alçada da Secretaria de Controle Interno, que, por meio da Casa Civil, disse que só a Secretaria de Imprensa falaria sobre a questão. Procurada novamente, a secretaria manteve a posição do dia anterior: não fazer comentários sobre o assunto.

Para Roberto Romano, 58, professor de ética e política da Unicamp, o fato demonstra que os políticos brasileiros ainda não aprenderam nem o ‘arroz com feijão’ da política: ‘Os nossos políticos ainda não aprenderam a ter respeito pelo que é público’.

Houve, segundo Romano, uma quebra de decoro: ‘Houve, sem dúvida, uma evidente quebra de decoro. Foi um abuso. Não é uma questão de dar exemplo, e sim uma questão de dever do presidente, que não pode tratar o palácio como a casa-da-mãe-joana. Aquilo não é propriedade dele’.

Durante o dia, mensagens foram enviadas aos fotoblogs dos jovens, de onde as fotos haviam sido retiradas. A maioria questionava o uso do dinheiro público. Integrantes do Orkut, maior site de relacionamento em uso no país, montaram uma comunidade para os internautas chamada ‘Férias no Alvorada – Eu Quero’.’



Simone Harnik

‘Internautas pedem férias no Alvorada’, copyright O Estado de S. Paulo, 7/01/05

‘A internet recebeu uma onda de protestos contra as mordomias exibidas em fotologs de amigos do filho do presidente Luiz Inácio Lula da Silva aproveitando as benesses do poder. Duas comunidades no Orkut surgiram para criticar a viagem dos jovens amigos dos filhos de Lula.

A mais popular tem o nome de ‘Férias no Alvorada – EU QUERO!’ e vem com a seguinte descrição: ‘Essa comunidade é dedicada a todas as pessoas que querem andar de lancha, comer um churrascão, andar no avião da Força Aérea Brasileira e ainda não gastar nada, porque o governo pagou! Porque o povo pagou!!! Entre e seja mais um marajá!!!! Porque no Brasil, já existem milhares!!!’.

O número de integrantes não pára de crescer – no início da tarde os membros eram 25; à noite, já passavam de 80. E o autor, Alex Tinôco, um estudante de engenharia ambiental em Belo Horizonte, foi ovacionado pela iniciativa. ‘Eu fiz a comunidade para mostrar o que estavam fazendo: se divertindo na piscina e comendo do bom e do melhor às custas do governo. Fica aí um espaço para denúncia. Mas nem eu esperava tanta repercussão’, conta.

A outra comunidade, mais modesta, tem o nome de ‘Férias no Alvorada (Palhaçada)’ e, até o início da noite, tinha pouco mais que 10 integrantes.

Privacidade

Os familiares de Lula também mantém perfis no Orkut. Luis Claudio, o filho de 19 anos que viajou com os colegas, por exemplo, se descreve como um apaixonado pela namorada e conta que, como o pai, também é torcedor do Corinthians.

Desde a divulgação das fotos na internet, Lula (como é chamado pelos amigos) tem recebido mensagens de desaprovação como: ‘Viva o Brasil e parabéns pelo seu pai não ter feito estritamente nada, continuando com o modelo econômico da gestão anterior. Tenho certeza que seu maior mérito e esse. Parabéns, continuem com as festas no Alvorada, enquanto estiverem se preocupando com as festas, não vão fazer besteiras na política. As festas custam menos que as besteiras.’

Os amigos do Lula filho também foram alvo de protestos. Não faltaram xingamentos para os colegas de São Bernardo que visitaram Brasília.

Outros internautas, porém manifestaram apoio a Luis Claudio. ‘Estão dizendo que você é filho de Lula. Então parabéns por ter esse pai que está mudando esse País. Não quebrando o sistema. Mas o reformando. Porque isso, infelizmente é o possível . Viva a esquerda, viva o PT, viva o Lula, e acima de tudo, viva o Brasil’, dizia uma das mensagens.’





Veja

‘A casa do presidente’, copyright Veja, 11/01/05

‘É falso o escândalo em torno do passeio dos amigos do filho de Lula a Brasília

Diversão na piscina do palácio: o presidente convida quem quiser para sua casa

Em julho do ano passado, Luís Cláudio, filho do presidente Lula, e um grupo de catorze amigos paulistas passaram as férias em Brasília. Hospedaram-se no Palácio da Alvorada, fizeram churrasco na Granja do Torto, passearam de lancha no Lago Paranoá e conheceram os principais gabinetes do Palácio do Planalto. O episódio veio à tona na semana passada, em fotos divulgadas na internet pelos próprios garotos, e causou polêmica. A oposição prometeu abrir uma investigação e pedir a devolução de todo o dinheiro oficial gasto na estada brasiliense dos jovens. Há uma boa dose de exagero nessa reação.

Durante o mandato, o Palácio da Alvorada é a casa do presidente. É seu ‘lar’, para usar uma palavra de conotações mais fortes. Não existem impedimentos legais para ele receber as visitas que desejar ali, ainda que sejam amigos do filho. ‘A lei prevê inclusive que a União arque com as despesas pessoais do presidente – e isso se estende a seus familiares’, diz Floriano de Azevedo Marques Neto, professor da Faculdade de Direito da USP. Ressalte-se que a finalidade do Alvorada é estritamente residencial, ao contrário do que acontece, por exemplo, nos Estados Unidos. Além de morada do presidente, a Casa Branca é local de trabalho – mas as festas familiares ali são quase uma tradição. A filha do presidente Richard Nixon e o irmão da ex-primeira-dama Hillary Clinton se casaram na Casa Branca. A filha do ex-presidente Gerald Ford fez sua festa de formatura nos jardins, que teve banda de rock e foi até a madrugada.

Se as reclamações sobre a farra juvenil em Brasília têm onde se apoiar, é no uso de um avião e de uma lancha com bandeira oficial. Esses veículos circulam segundo regras estritas, e não deveriam ter sido usados para divertir a patota de Luís Cláudio. ‘Que os filhos do presidente convidem os amiguinhos para dormir em casa ou nadar na piscina tudo bem. Usar avião da FAB para transportar todo mundo é contra a lei’, diz o cientista político David Fleischer, da Universidade de Brasília. O uso do avião e da lancha representa, no mínimo, uma contradição. Em 1999, os petistas tentaram criar uma comissão parlamentar de inquérito para investigar os ministros do governo tucano que usavam jatinhos oficiais para passar férias na praia. Alguns foram obrigados a restituir dinheiro à União e outros respondem a processo até hoje.’



Ricardo Galhardo

‘‘Vocês desabafam e eu me divirto lendo’’, copyright O Globo, 10/01/05

‘A página no site de relacionamentos Orkut de Luís Cláudio Lula da Silva, de 19 anos, filho do presidente Luiz Inácio Lula da Silva que levou 14 amigos para passar férias no Palácio da Alvorada, em Brasília, foi invadida por internautas indignados. A maioria das mensagens contém palavrões e ofensas pessoais, algumas fazem ameaças de agressões físicas contra Luís Cláudio.

Lulinha, como é conhecido o filho caçula do presidente, queixou-se de ter que apagar mais de duas mil mensagens ofensivas e comentou, na página de um amigo, que os últimos dias têm sido insuportáveis. Segundo ele, os críticos ignoram as mudanças e melhorias feitas no país pelo governo de seu pai.

A linguagem é a mesma usada pelos internautas adolescentes, sem acentuação, concordância e repleta de abreviaturas: ‘Ae so queria agradecer vc. Essas dias tão sendo insuportaveis, principalmente pq tenho q ler criticas a meu pai q vem de pessoas q nunca nem deve ter lido um jornal ou visto uma tv, por isso nao sabem como o Brasil ta crescendo e mudando’, (sic) escreveu Luís Cláudio na página do amigo Carlos Júnior.

Em seu ‘scrapbook’ (livro de recados), Lulinha respondeu às críticas de forma irônica. O filho do presidente diz se divertir com as críticas à viagem e cobra criatividade dos detratores. ‘Pessoal, queria pedir desculpas para algumas pessoas q não aceitei ser amigo ou que apaguei scraps, foi sem querer, pois eu tive q apagar 2000 e poucos scraps… AAAAEEE pessoal que escreve aki p/ deixar críticas, vamos ser um pouco mais criativos, chega de por 100 msg iguais, assim vcs desabafam e eu me divirto lendo… ps: Sem ofender, pq ai mostra q cada vez mais vcs estão sem razão… Bjos a todos. e obrigado pelas msgs!’ (sic), escreveu o filho de Lula.

O conteúdo das mensagens vai desde discussões sérias sobre o uso do patrimônio público até agressões pessoais. Alguns criticam a reação irônica de Luís Cláudio e sua namorada, Patrícia. A página de Patrícia foi retirada do ar. Alguns críticos são ligados a comunidades racistas ou neonazistas, outros, a grupos de apoio ao PSDB.’

***

‘Brasil é país que tem mais usuários em comunidade’, copyright Folha de S. Paulo, 7/01/05

‘Criada em 2002, nos Estados Unidos, a comunidade Fotolog.net é a pioneira em rede de páginas para imagens na internet. Logo após, surgiram os conhecidos ‘fotoblogs’ em servidores como o UOL e o Terra.

Para os três criadores nova-iorquinos, o surgimento de sites do gênero no Brasil ajudou-os a desafogar o servidor, que hoje é ocupado por 921.018 páginas. O maior número, 327.220 (35,5%), está no Brasil. Apenas 70.241 (7,6%) estão nos EUA.

No auge do Fotolog.net, no fim de 2003, o Brasil chegou a ocupar 55% do total, e o número de servidores teve que ser duplicado. Hoje só há cinco vagas por dia para cadastro gratuito, liberadas a partir da meia-noite.

Quem não quer se cadastrar gratuitamente -o que dá direito a atualizar uma foto por dia e ter espaço para dez comentários- pode pagar US$ 45 por ano (R$ 121,50) e, assim, atualizar seis fotos por dia e ter espaço para cem comentários.

Como a comunidade é pública, páginas podem ser retiradas do ar quando os administradores julgam que o material é obsceno, invade a privacidade de alguém ou tem teor discriminatório.’

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem