Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº970

CADERNO DO LEITOR > SEXTA-FEIRA, 8/1

Repórteres que tentavam fotografar Lula são detidos

Por Leticia Nunes (seleção de textos) em 08/01/2010 na edição 571


Leia abaixo a seleção de sexta-feira para a seção Entre Aspas.


 


************


Folha de S. Paulo


Sexta-feira, 8 de janeiro de 2010


 


PRESIDENTE


Marinha detém repórteres para dar ‘privacidade’ a Lula


‘Dois repórteres fotográficos foram detidos ontem à tarde por militares quando tiravam fotos do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que passa férias no Forte dos Andradas, em Guarujá, no litoral sul de São Paulo.


Marcelo Justo, da Folha, e Paulo Pinto, de ‘O Estado de S. Paulo’, estavam num barco próximo ao forte e foram abordados por uma lancha da Marinha.


O capitão de fragata Marcelo Ruas chegou a dar voz de prisão aos jornalistas e disse que cumpria ordens do Gabinete de Segurança Institucional da Presidência. Segundo Ruas, o presidente queria ‘privacidade’.


Depois, Ruas afirmou por telefone que, apesar de a embarcação não estar em área de navegação restrita, a Marinha pode abordar qualquer barco em ‘atitude suspeita’.


‘Do mesmo jeito que eram repórteres, poderia ser alguém que ameaçasse a segurança do presidente’, disse.


Os fotógrafos foram levados até a praia, onde foi lavrado um Boletim de Ocorrência pela PM. Eles foram liberados cerca de duas horas depois.’


 


 


Fernando de Barros e Silva


ABC da era Lula


‘SÃO PAULO – Fazer um resumo compreensivo dos anos Lula será um dos desafios do jornalismo em 2010. É um trabalho que se situa entre o registro noticioso e a perspectiva histórica, à cata do sentido entre os acontecimentos e o legado.


Sempre haverá divergências a respeito, mas, à luz da história, a tendência é que prevaleçam as continuidades e a percepção de um mesmo processo, enquanto, no calor da disputa política, e sobretudo neste ano, devem ser destacadas as rupturas e diferenças entre Lula e Fernando Henrique Cardoso.


Nem ruptura nem continuidade, um dos aspectos importantes e ainda pouco esclarecido desse período talvez resida na inflexão do próprio Lula entre o primeiro e o segundo mandatos. A crise do mensalão é o que divide as duas fases.


Recorde-se o que foi Lula 1º. Um governo que tinha na política conservadora de Palocci a sua âncora e no mais tateava à procura de um enredo. O Fome Zero revelou ser um slogan vazio. Reformas não previstas na campanha, mas também nunca concluídas, vieram em socorro da carência de ideias: a tributária acabou duas vezes frustrada; a da Previdência, que chegou a ser aprovada, ficou suspensa no ar; e a trabalhista foi abandonada.


A expulsão dos radicais simbolizou a conversão do PT ao pragmatismo. Alguém se lembra de Babá, o ícone da resistência de esquerda?


Renascido das cinzas em 2006, Lula 2º substituiu o mensalão pelo PMDB, ao mesmo tempo em que se tornou menos dependente do Congresso. Escorado pela popularidade que o crescimento e os programas de transferência de renda lhe trouxeram, Lula criou seu próprio mito.


Na economia, o segundo mandato instalou a tensão entre a antiga ortodoxia e a ampliação do gasto público. Mais: Lula 2º vem patrocinando o avanço metódico do governo sobre espaços antes ocupados pelo setor privado. O que será desse capitalismo de Estado e qual o destino desse getulismo tardio misturado com bolsa família é algo que o processo eleitoral talvez ilumine.’


 


 


CAMPANHA


Catia Seabra


Fernando Meirelles vai dirigir Marina na TV


‘Diante do desafio de sobreviver à polarização de PT e PSDB com pouco mais de um minuto diário no horário eleitoral, a pré-candidata à Presidência, a senadora Marina Silva (AC), estará sob a ‘direção’ do cineasta Fernando Meirelles -do filme ‘Cidade de Deus’- para a gravação do programa que o PV levará ao ar no dia 10 de fevereiro.


Segundo a senadora, Meirelles vai colaborar voluntariamente com a sua candidatura.


‘Já conversamos sobre o olhar para o programa’, contou Marina, sem adiantar se Meirelles terá um papel na coordenação de sua eventual campanha à Presidência da República.


Mais uma vez, Marina vai monopolizar o programa. A contribuição de Meirelles é mais uma tentativa de driblar as restrições impostas à candidatura de Marina, como a debilidade de palanques estaduais e a falta de tempo na TV.


Sem perspectivas de ampliação do leque de alianças, Marina diz que já processou ‘essa desvantagem’.


‘Obviamente não temos a estrutura que têm as outras candidaturas, até porque estão dentro de máquina de governo, e não queremos extrapolar os aspectos da legalidade’, reconheceu Marina, ao falar de limitações para agenda de viagens pelo país.


Marina se reuniu ontem com coordenadores da sua pré-campanha para discutir alternativas para driblar as dificuldades. Ao lado do potencial candidato a vice-presidente, o empresário Guilherme Leal (da Natura) disse apostar, por exemplo, nas novas mídias.


‘Se quiser ir para o processo [eleitoral] no enquadre tradicional do política, você vai achar que não tem as ferramentas’, admitiu o empresário.


Apesar das dificuldades, Marina chama de ‘plantação’ os rumores de que desistirá em favor do governador José Serra (PSDB). Segundo Marina, ‘se essas coisas aparecem, têm algum interesse político’.


‘Estamos trabalhando em pleno início de ano. Talvez as pessoas estejam preocupadas com isso e ficam plantando esse tipo de coisa’, disse Marina, para quem o boato pode ter origem no PT ou no PSDB.


Serra


Entre os obstáculos enfrentados por Marina, está a resistência que sofre por integrantes do próprio PV. Além disso, a participação de verdes do governo federal ou em São Paulo pode produzir embaraços.


Um dos 20 coordenadores da pré-campanha de Marina, o secretário municipal do Verde de São Paulo, Eduardo Jorge, elogiou ontem publicamente o governador José Serra.


‘O projeto José Serra/Gilberto Kassab é dotar a cidade de cem parques. E distribuídos de forma democrática’, discursou Eduardo Jorge, minutos antes de trocar palavras, ao pé do ouvido, com Serra.


Eduardo Jorge nega que sua escalação na coordenação sirva de ponte para aliança nacional com o PSDB. ‘Fui convidado pela senadora Marina Silva’, justificou-se Eduardo Jorge antes da inauguração do parque Villas-Boas, na zona leste.


Na inauguração do parque, uma iniciativa do Estado e da prefeitura, o deputado Bruno Covas disse torcer que a parceria se reproduza no Planalto.


‘É muito difícil chegar para cada pessoa e dizer: ‘Não fala’. A gente faz. Um ou outro escapa. Nessa altura do campeonato, não tem tanta importância’, alegou Serra.’


 


 


TELEVISÃO


Sílvia Corrêa


Série só vai mostrar Rio de cartão-postal


‘Começaram as gravações de ‘Rio’, a série que Scott Steindorff está produzindo no Brasil. Mas nada de dramas sociais e violência. Vencedor do Globo de Ouro e indicado ao Emmy por ‘Empire Falls’, Steindorff quer que a produção sirva de cartão-postal para a cidade.


‘O Rio é o personagem principal. Quero que todos desejem vir para cá depois de assisti-la’, diz ele. Na trama, produzida pela Mixer, Jason Lewis (marido de Samantha em ‘Sex and the City’) é um detetive particular americano que vem ao Brasil investigar o sumiço da mulher de um milionário. Aqui, trabalhará com a polícia carioca e se apaixonará pelo país.


‘Há muito de mim nesse personagem. A série passará a filosofia de vida do brasileiro. Quero que o mundo aprenda a celebrar a vida como vocês’, diz o diretor, que tem no currículo o filme ‘O Amor nos Tempos do Cólera’ e a série ‘Las Vegas’.


As cenas já foram gravadas em favelas, praias, ilhas, no centro do Rio e até no Réveillon, em Copacabana. A série não fará uma abordagem crítica da cidade. ‘Os crimes serão sempre resultado de erros humanos, nunca do sistema. Quero que seja uma série divertida para gente de todo lugar.’


Depois do piloto, Steindorff quer filmar 11 episódios e vender os direitos do programa para vários países. ‘Estamos gastando uma quantia enorme para um piloto’, afirma ele, que diz já ter sido procurado por emissoras dos EUA e por mais de um canal nacional.


FIM DO SUCESSO


‘Caras & Bocas’ (Globo) termina hoje em alta. A novela teve audiência média de 31 pontos na Grande São Paulo e 34 no Painel Nacional de Televisão (que inclui outras capitais). Foi o melhor desempenho de uma trama das sete desde 2006, atrás de ‘Cobras e Lagartos’.


DALVA REAGE


Por falar em audiência, a minissérie ‘Dalva e Herivelto’ (Globo) reagiu um pouquinho no terceiro capítulo, na quarta. Marcou 30 pontos de audiência, contra 29 e 28 dos dois primeiros dias. Termina hoje.


FASHION RIO


É a modelo Ellen Jabour quem vai comandar a transmissão dos desfiles do Rio, de hoje até quarta, pela Fashion TV Brasil (95 NET e 31 Sky). São flashes na programação.


TUDO ADIADO


A Record esticou ‘Poder Paralelo’. A novela terminaria em 23 de fevereiro, mas ficará no ar até 2 de março. Sobre a minissérie ‘A História de Ester’, prevista para o começo de fevereiro, o que se sabe agora é que vai ao ar ‘neste semestre’.


HACKEADA


Um dia depois de entrar no ‘BBB 10’ como a ‘musa do Twitter’, a publicitária Tessália Serighelli teve seu microblog invadido e destruído.


CONTROLADO


Vai se chamar ‘Sob Controle’ o programa que Jorge Kajuru estreia no dia 18 no Esporte Interativo. O jornalista terá o tempo de cada comentário controlado por um cronômetro.


com CLARICE CARDOSO’


 


 


 


************


O Estado de S. Paulo


Sexta-feira, 8 de janeiro de 2010


 


TELEVISÃO


Keila Jimenez


Crimes em animação


‘Assaltos, acidentes, sequestros, crimes em geral vão virar desenho animado na Rede TV! Calma, não é nenhum programa sem noção para crianças. A emissora resolveu utilizar uma tecnologia que transforma cenas normais de TV em desenho animado para a reconstituição de notícias em seus jornalísticos.


A estreia da animação nos noticiários do canal foi na quarta-feira à noite, no Rede TV! News. A emissora transformou em desenho o caso de um jovem de 23 anos morto em um assalto em São Paulo.


Mas a novidade não conta com desenhistas e sim com tecnologia.


A reconstituição é gravada, assim como em outras emissoras, com uma câmera comum e atores simulando o crime. As imagens então são levadas para o computador, editadas e transformadas em animação utilizando o programa After Effects. Similar ao que foi feito no filme A Scanner Darkly (O Homem Duplo).


A emissora pretende estender esse tipo de reconstituição – o processo leva em média duas horas – para os demais jornalísticos da casa e, futuramente, também para a linha de shows.


Eco!


Acostumada a fazer sotaque nordestino, Betty Faria viverá Amália, uma legítima mamma italiana, mãe de Serafina Rosa (Carla Marins), a protagonista de Uma Rosa com Amor, que estreia em fevereiro no SBT. Acima, Carla, Betty e Edney Giovenazzi (que interpreta Giovani, pai de Serafina) relaxam durante intervalo de uma gravação de chamadas da novela, no Bexiga, em São Paulo.’


 


 


Entrelinhas


‘Ao que tudo indica, a Globo aposentou, na surdina, uma das vozes mais famosas da TV. Cid Moreira sumiu do Fantástico e ninguém sabe na rede quando ele volta ao ar, se é que volta. Só dizem que ele segue como contratado do canal.


Sem Lombardi, sem Herbert Richers e agora sem o sr. ‘Boa Noite’, Cid Moreira… A TV está ficando muda.


Diferentemente dos ex-fazendeiros da 1.ª edição do reality, poucos famosos de A Fazenda 2 terão seu lugar ao sol na Record, assim que o programa acabar. Já tem artista achando que comprou gato por lebre ao entrar no confinamento.


Outro mistério é o especial de fim de ano que Ivete Sangalo teria na Globo. Faltou dizer fim de que ano a atração iria ao ar, já que em 2009 não rolou.


Na linha ‘só para quem pode’, o Pânico é o único programa da RedeTV! a voltar de férias um mês depois de todo o restante da programação. Retorna ao ar, inédito, só após o carnaval.


Uma moradora de rua e uma top model estão entre os participantes de Solitários, reality show que estreia na segunda-feira, no SBT.


Os fãs de Lost estão furiosos com Barack Obama: ele estuda fazer um pronunciamento oficial na TV americana no dia 2/2, data do começo da 6.ª temporada. Com o discurso, a ABC terá de adiar a estreia para o dia 9.’


 


 


 


************

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem