Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº970

ENTRE ASPAS > FIM DE SEMANA, 24 E 25/1

Tiago Dória Weblog

27/01/2009 na edição 522

VATICANO ONLINE
Tiago Dória

A responsável pelo Papa no YouTube

‘O Vaticano lançou oficialmente, nesta sexta-feira, o seu canal no Youtube. O espaço será utilizado para divulgar os principais eventos e atividades do Vaticano, inclusive discursos do Papa Bento XVI. Os vídeos estão em uma qualidade maior e em versões para inglês, alemão, italiano e espanhol.

A maioria é material da CTV (a TV oficial do Vaticano). Ou seja, os vídeos não são produzidos exclusivamente para a web.

Se olharmos a história da presença do Vaticano na rede, a decisão de lançar o canal não foi inesperada. O Vaticano é o responsável por um dos primeiros grandes sites da web. Entrou no ar em 1995, já foi vencedor do Webby Awards e hoje é um dos sites religiosos mais visitados no mundo (1 milhão de pageviews por mês).

Uma das áreas mais visitadas do site é a que permite fazer uma visita virtual às obras de arte do Vaticano. A outra é o sistema de busca interno. É comum as pessoas entrarem no site e buscarem por palavras-chaves ligadas a espiritualidade, como ‘forgiveness’.

Quem está por trás da coordenação da página e do canal do Vaticano no YouTube não é nenhum geek, ainda adolescente, mas uma freira, a americana Judith Zoebelein, de 57 anos, que desde 1995 está no comando do site.

Seu contato com computadores e telecomunicações começou nos anos 90, quando trabalhava em agências humanitárias. Em 1991, recebeu um convite para ajudar a desenvolver a parte de informática do Vaticano. Hoje, é responsável por toda a parte de web.

Em entrevista ao Robert Scoble e à Business Week, Zoebelein conta que o Vaticano usa Linux, Macs e conta com uma equipe de 17 pessoas na parte de internet. É interessante a sua visão sobre a web. É uma visão mais espiritual, antes de tudo.

A web é uma ferramenta para o bem estar (e, claro, para aumentar a abrangência das igrejas).’

 

 

POLÍTICA
Tiago Dória

‘Wiki controlado’ no Washington Post

‘O Washington Post lançou nesta quinta-feira o Who Runs Gov, um banco de dados com perfis dos políticos dos EUA. O site é editado pela equipe do jornal, mas a intenção mais para frente é liberar a edição dos artigos para qualquer pessoa, semelhante a Wikipedia.

Para ‘rodar’ o site, o Washington Post está utilizando o MindTouch, que nada mais é do que uma ferramenta de wiki. No entanto, com mais recursos e voltada para quem quer ter mais controle no tipo de edição que pode ser feita nos textos. A ONU, por exemplo, usa o MindTouch em alguns wikis internos.

A grande vantagem do Who Runs Gov, a meu ver, é que o leitor pode visualizar uma grande quantidade de informação de forma rápida ( é só digitar ou clicar no nome do político e você tem acesso a várias informações).

No entanto, os dados sobre os políticos não são bem aproveitados. São apenas para visualização. Poderia se aproveitar para fazer mashups e data mining e assim encontrar novos padrões e informações que estavam ‘ocultas’ enquanto esses dados são estavam relacionados e digitalizados.

Enfim, é uma ferramenta que, por enquanto, está sendo mal aproveitada pelo Washington Post.’

 

 

***

Novo site da Casa Branca no ar e CNN bate recorde

‘O destaque é que todo o conteúdo do site da Casa Branca está sob licença da Creative Commons, o que permite o seu uso sem preocupações com processos por direitos autorais.

Além disso, há o uso do formato blog, que, cá entre nós, não é bem um blog, não existem links para fora e menos ainda espaço para comentários.

É mais uma série de press releases. Confira aqui.

A reformulação foi feita pela equipe de novas mídias da Casa Branca (antes equipe de transição), coordenada por Macon Phillips. Em breve, o site também terá uma versão em espanhol.

Segundo o site CNET, a posse de Obama não gerou o ‘maior trafégo na internet’, mas fez a CNN bater recordes. Em sua transmissão ao vivo da posse, feita em parceria com a Facebook, a emissora de TV alcançou 21.3 milhões de streams. No dia da eleição, a marca foi de 5.3 milhões.

CBS em HD – Já as emissoras da rede de TV CBS aproveitaram para inaugurar um player em HD, em que você podia escolher diversos ângulos de câmera.’

 

 

******************

Clique nos links abaixo para acessar os textos do final de semana selecionados para a seção Entre Aspas.

Folha de S. Paulo

Folha de S. Paulo

O Estado de S. Paulo

O Estado de S. Paulo

Comunique-se

Carta Capital

Terra Magazine

Agência Carta Maior

Veja

Tiago Dória Weblog

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem