Segunda-feira, 22 de Julho de 2019
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº1046
Menu

FEITOS & DESFEITAS >

Jornal demite ombudsman após publicação de artigo crítico

Por ‘FSP’ em 30/07/2013 na edição 757

O jornalista turco Yavuz Baydar foi demitido pelo jornal Sabah, do qual era ombudsman, após publicar um artigo no New York Times criticando o papel da mídia durante os protestos no país nos dois últimos meses. No texto, Baydar diz que as manifestações – que tiveram seu estopim no projeto de construção de um centro comercial num parque de Istambul – expuseram “o papel vergonhoso dos conglomerados de mídia turcos ao subverterem a liberdade de imprensa”.

Os protestos no país logo se tornaram um movimento contra o premiê, Recep Tayyip Erdogan. O jornalista cita canais que optaram por transmitir documentários sobre pinguins e discussões sobre esquizofrenia em meio à convulsão no país. “Alianças sujas entre governos e empresas de mídia e seus apertos de mão a portas fechadas prejudicam o papel dos jornalistas como observadores públicos e os impedem de fiscalizar conluios e abusos de poder”, disse o jornalista no artigo publicado em 19 de julho. Segundo ele, a falta de independência da mídia também atinge países como o Brasil, a Argentina e a Venezuela.

Nesta semana, o editor de Opinião do NYT, Andrew Rosenthal, lamentou a decisão do Sabah – que é cliente dos serviços de notícias do NYT e está entre os cinco diários turcos de maior tiragem. “O governo turco reagiu terrivelmente aos recentes protestos em Istambul. Agora o Sabah é culpado pelo mesmo”, disse.

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem