Nas redes sociais, cresce apoio à Copa no Brasil | Observatório da Imprensa - Você nunca mais vai ler jornal do mesmo jeito
Sexta-feira, 17 de Agosto de 2018
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº1000
Menu

FEITOS & DESFEITAS > COPA DO MUNDO

Nas redes sociais, cresce apoio à Copa no Brasil

Por Cibelle Bouças em 17/06/2014 na edição 803
Reproduzido do Valor Econômico, 10/6/2014; intertítulo do OI

A proximidade da Copa aumentou o ânimo dos torcedores brasileiros favoráveis à realização do maior evento desportivo do mundo no país.

Um levantamento realizado pela empresa americana de marketing digital iProspect, com base nas publicações de usuários do Twitter e Facebook, indicou um aumento de quase 11 vezes no volume de textos favoráveis à Copa no país.

O total de menções com o tema “vai ter copa” chegou a 144,5 mil publicações na semana de 16 a 19 de maio deste ano, ante 1,3 mil menções favoráveis ao evento na última semana de dezembro de 2013.

Na semana de 20 a 23 de junho de 2013, período em que as manifestações de rua contrárias à Copa do Mundo no Brasil tiveram início, o total de menções favoráveis ao evento foi de 5,2 mil, segundo a iProspect.

As publicações de crítica ao evento também avançaram ao longo dos meses, mas agora estão em menor número, de acordo com a pesquisa.

Nem críticos, nem elogiosos

Na semana de 16 a 19 de maio, houve 94,8 mil publicações com o tema “não vai ter Copa”, ante 7,5 mil publicações no fim do ano passado. Em junho de 2013, as publicações contrárias à Copa totalizaram 8,2 mil.

“Desde abril, houve um aumento expressivo de internautas considerando que vai ter Copa, mas os internautas em geral não dizem que são favoráveis ao evento. Muitas declarações são receosas e estão relacionadas a manifestações de rua e outros eventos”, afirmou Roberta Garrafa, diretora de novos negócios da iProspect.

A equipe de analistas da consultoria avaliou o conteúdo dos textos publicados pelos internautas nas redes sociais. Observou que, na semana de 16 a 19 de maio, 36% da publicações tinham conteúdo negativo, contendo críticas ao evento da Fifa ou ao cenário do Brasil neste momento e 64% dos comentários tinham um conteúdo neutro – nem crítico, nem elogioso.

Quase um ano antes, na semana de 20 a 23 de junho do ano passado, 63% dos comentários sobre a Copa do Mundo eram negativos; 36% eram neutros e 1% eram positivos.

A lista de comentários negativos inclui críticas a campanhas publicitárias que usaram o tema da Copa do Mundo para chamar a atenção dos consumidores; manifestações de rua e problemas de infraestrutura.

******

Cibelle Bouças, do Valor Econômico

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem