Segunda-feira, 17 de Dezembro de 2018
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº1017
Menu

FEITOS & DESFEITAS >

‘Indústria financeira é a pior fraude do mundo’, diz criador de ‘Dilbert’

Por ‘OG’ em 12/08/2014 na edição 811

Scott Adams é criador da famosa série de tirinhas Dilbert, que trata de forma cômica do cotidiano corporativo e já foi traduzida para mais de 70 países. No desenho, Adams trata de um mundo que foi familiar para o economista, que trabalhou por um longo período em empresas de tecnologia e finanças. Ainda assim, o cartunista não é fã de consultores de investimento e afirmou que “a indústria financeira é a pior fraude do mundo”, no post mais recente de seu blog.

Em “Como fazer mais dinheiro em ações”, título da publicação, Adams afirma que os consultores de investimento fazem das ações um risco. Para ele, “um consultor de investimentos precisa justificar o seu salário, e isso significa fingir que a escolha de ações individuais tem poderes mágicos que a ciência nunca descobriu”.

O economista explica que todos os estudos sobre o tema mostram que os profissionais geralmente não batem a média do mercado ao longo do tempo, mas, ainda assim, os consultores causam uma venda indiscriminada de valores mobiliários que provocam uma série de contribuições desnecessárias sobre os ganhos:

– Os consultores de investimento cobram o suficiente para conseguir em torno 25% do seu ganho potencial anual em taxas. – conta.

Mesmo que as pessoas optem por evitar os riscos injetados pelos consultores, comprando fundos de investimento por si, os potenciais ganhos com ações são reprimidos porque outras tantas pessoas estão usando aconselhamento profissional e perdendo dinheiro, argumenta Adams.

– Isso faz com que a categoria de “investir em ações” pareça mais arriscado do que é. –acredita.

Etiquetas de advertência

A saída para levantar permanentemente o valor do mercado de ações para novos altos índices de preço-rendimento sustentáveis, segundo o economista, é aprovar uma lei tornando ilegal a oferta de serviços financeiros que não são honestos. Ainda que a população americana prefira um menor envolvimento do governo, Adams lembra que o governo é a agência certa para erradicar o crime, esquemas de pirâmide e similares.

– Colocar etiquetas de advertência sobre os cigarros e as informações nutricionais sobre os alimentos têm nos servido bem. É hora de fazer o mesmo com a consultoria de investimento. – sustenta.

No artigo, o cartunista defende ainda que o governo deve montar uma pirâmide “que mostre que a maioria das pessoas deve diversificar seus investimentos sobre certas condições”.?

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem