Quarta-feira, 19 de Setembro de 2018
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº1005
Menu

FEITOS & DESFEITAS > MÍDIA & MERCADO

ANJ lança plataforma única para mídia

Por ‘FSP’ em 19/08/2014 na edição 812
Reproduzido da Folha de S.Paulo, 18/8/2014

A Associação Nacional de Jornais lança nesta terça-feira (19/8) uma campanha que pretende reposicionar a indústria de jornais como parceiro ainda mais relevante no planejamento de mídia das agências e anunciantes.

O anúncio será feito no 10º Congresso Brasileiro de Jornais, que começa nesta segunda (18) em São Paulo.

“A ideia é mostrar a força dos jornais não apenas como veículos de informação que são importantes para uma sociedade democrática, mas também sua eficácia como veículo publicitário capaz de fortalecer e renovar marcas”, afirma o diretor executivo da ANJ, Ricardo Pedreira.

O novo posicionamento será objeto de uma campanha desenvolvida pela Lew’LaraTBWA, com o mote “Jornal. Está em tudo”. “Vamos mostrar que, nesse ambiente difuso de infinitas informações anônimas, a informação jornalística se diferencia pela sua confiabilidade e credibilidade”, diz Pedreira.

A campanha será acompanhada de ações concretas apresentadas durante o congresso, que, pela primeira vez, vai contar com uma programação específica para agências e anunciantes.

Uma delas é uma rede de comercialização conjunta de espaço publicitário nos sites de jornais, a Digital Premium Jornais, que deve ir ao ar nas próximas semanas.

Espaço único

Por meio da plataforma, as agências poderão negociar, em um único lugar, espaços nobres para veicular em até 30 jornais. “Estamos estimando que a rede digital premium vai figurar entre as dez maiores audiências da internet brasileira”, diz Pereira.

“É também uma audiência extremamente qualificada, de alto poder aquisitivo e formadora de opinião.”

Outra iniciativa que faz parte desse novo posicionamento é a criação de um site (market place) com informações de cada veículo: circulação, audiência, perfil de leitor, formatos padrão e contatos da área comercial.

“Não é um lugar para se comprar anúncios, mas uma ferramenta que vai permitir às agências fazerem simulações; vai facilitar a inclusão de jornais nos planos de mídia”, afirma Pedreira.

A ANJ também vai apresentar uma iniciativa que está sendo trabalhada com o IVC (Instituto Verificador de Circulação) para desenvolver uma métrica de medição da audiência dos jornais em diferentes plataformas.

“Nós nos acostumamos a avaliar a força dos jornais pela circulação do IVC. Mas, quando você compara com outras mídias, o correto é falar quantas pessoas leem notícias sob a marca de um determinado jornal por dia, e não apenas em sua versão impressa”, diz o diretor da ANJ.

Congresso

Realizado a cada dois anos, o Congresso Brasileiro de Jornais deste ano deverá contar com a presença da presidente e candidata à reeleição, Dilma Rousseff (PT), e do candidato Aécio Neves (PSDB).

A relatora de Liberdade de Expressão da Comissão de Direitos Humanos da OEA (Organização dos Estados Americanos), Catalina Botero, receberá o prêmio ANJ de Liberdade de Imprensa.

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem