Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº970

FEITOS & DESFEITAS > ‘LEROS’

23 anos circulando em Londres

Por Zeza Loureiro em 11/11/2014 na edição 824
Reproduzido do Jornalistas&Cia nº 973, de 5 a 11/11/2014; título original “23 anos de Leros em Londres”

Leros, a primeira revista brasileira em Londres completou recentemente mais um aniversário. Surgiu em julho de 1991, distribuída gratuitamente em vários pontos da cidade, principalmente nos estabelecimentos assinantes. Começou como um folhetim de oito páginas, impresso manualmente, fruto de uma brincadeira sem maiores pretensões e acabou se tornando o maior ponto de referência de brasileiros no Reino Unido.

O primeiro correspondente da revista no Brasil, João Luis Gago Batista, mandava as notícias pelo correio, até que conseguiram levantar fundos para comprar um fax. Começaram a surgir novos colaboradores: Vaguinho, com as crônicas; Cida de Assis, com o ti-ti-ti londrino, Elizabeth K. Davies, com seus conselhos hilários para resolver a situação imigratória; Álvaro Inchausti, da área literária. Ainda nos anos 1990, a revista contou também com uma colunista tropicalista: Rita Lee, que assinava a coluna Brasix Muamba.

A edição de outubro de 2014 tem 98 páginas, com publicidade que acompanha notícias brasileiras e informações de serviço sobre praticamente todos os temas: dicas de cursos de inglês, acomodação, turismo, salão de beleza, imigração, informações sobre emprego, comidas e lanches brasileiros em restaurantes, botecos, boxes em feiras que vendem quase de tudo e fazem a cabeça, ou melhor dão água na boca, como empada, coxinha e o famoso pastel de feira.

Nos classificados também há de tudo: escolas de inglês, anúncio de forró (o do Guanabara, bem conhecido pela comunidade e que reúne estrangeiros em aulas gratuitas da dança nordestina). Estão lá advogados, médicos, dentistas, todos confiáveis profissionais brasileiros e um anúncio de página inteira sobre a Capelania Brasileira, com imagem da Nossa Senhora Aparecida e vários endereços para cursos de batismo, catequese para todas as idades. A padroeira do Brasil também presente em Londres. Na sessão de pequenos anúncios está lá também a Oração das 13 Almas, para cumprimento de promessa.

Ao completar mais um ano, Vicente Lou, o editor desse guia de Londres para brasileiros, relembra como tudo começou. Ele publica a jornada em um artigo no site da revista e conta como foi a sua aventura, o medo desesperador na chegada à imigração do Reino Unido, cheia de lendas escabrosas contadas por aqueles que não conseguiram entrar. Entrou na ilha britânica disposto a ficar seis meses; nunca mais saiu.

No site da revista, o texto de abertura os apresenta como “O guia indispensável para brasileiros em Londres” e destaca em vermelho: Leros – The bible for de Brazilians in London. Peguei a edição num boteco no Bric Lane Market, onde no final do dia o box brasileiro de comidinhas não tinha mais coxinha nem pastel. Os contatos da revista são Leros Magazine: P. O. Box 7769 – London W1A 1LU – Tel.07939 97 3100 • 020 7580 2881 – e-mail: leros@leros.co.uk

< ****** Zeza Loureiro é coordenadora de Conteúdo do Portal dos Jornalistas

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem