Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº970

FEITOS & DESFEITAS > MÍDIA & MERCADO

Dona do ‘WSJ’ vai fechar ‘Sunday Journal’ e rádio

Por ‘FSP’ em 18/11/2014 na edição 825
Reproduzido da Folha de S.Paulo, 14/11/2014; intertítulo do OI

A dona do “Wall Street Journal” anunciou nesta quarta-feira (12/11) o corte das edições do “Sunday Journal” nos próximos meses e o fim da estação de rádio Wall Street Journal, que ocorrerá ainda neste ano.

O aviso aos funcionários foi enviado por e-mail por William Lewis, presidente-executivo da Dow Jones, publisher do “The Wall Street Journal”.

No texto, Lewis justifica a decisão dizendo que, “a fim de fazer ainda mais, devemos fazer menos coisas que não são do núcleo do nosso negócio, para que possamos andar mais rápido em busca dos nossos objetivos”.

A edição de domingo havia sido criada 15 anos atrás, para competir com o “New York Times”.

Em sua nota, Lewis cita alguns produtos e investimentos feitos nos últimos três anos, que incluem a expansão no mercado para a América Latina e a Ásia, e afirma que a empresa vai focar os recursos em áreas com potencial de crescimento.

Além disso, também foi anunciado o fim dos sites nas línguas alemã e turca até o fim deste ano.

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem