Quarta-feira, 12 de Dezembro de 2018
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº1017
Menu

FEITOS & DESFEITAS >

CBF enterra CPI do futebol 
e a imprensa relaxa e goza

Por Alberto Dines em 09/11/2007 na edição 458

Na tarde de ontem, quinta-feira (8/11), o Congresso foi novamente desmoralizado, desta vez pelo lobby da CBF: a CPI mista para investigar as ligações do Corinthians com a MSI não conseguiu o número regimental de assinaturas para ser instalada. Mais de 100 deputados retiraram seus nomes.


Pergunta-se: isso aconteceu de repente, em um passe de mágica? Não houve indícios da conspiração nos dias anteriores? Os repórteres que cobrem o Congresso não perceberam a intensa movimentação em todos os partidos e nas mais importantes bancadas estaduais para armar a vergonhosa virada e enterrar a CPI? Neste caso, para que serve uma imprensa incapaz de antecipar tendências e que só consegue noticiar o que já é irremediável?


A verdade é que apenas duas semanas depois da solene escolha do Brasil para sediar a Copa de 2014 rasgaram-se as fantasias.


O trailer de ontem dá uma idéia do que vai acontecer no país do futebol nos próximos sete anos.


Ricardo Teixeira foi coroado ontem como vice-rei do Brasil. Com a conivência da mídia e, sobretudo, a eletrônica.


E quando a mídia se junta aos políticos é melhor seguir a receita de Marta Suplicy: relaxar e gozar.

******

Jornalista

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem