Sexta-feira, 25 de Maio de 2018
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº988
Menu

FEITOS & DESFEITAS > ERROS DE REVISÃO

Derrapada compromete reputação

Por Flávio de Carvalho Serpa em 17/11/2009 na edição 564

Malcon Gladwell é um jornalista escritor com um estilo desconcertante, surpreendente para todos os leitores. Ele teve uma carreira meteórica depois de lançar Turning Point (Ponto de Desequilíbrio, na versão brasileira), seguido por Blink ( Decisão num piscar de olhos) e Outliers. Seu novo livro What the cat saw ( O que o gato viu) era, portanto aguardado como novo sucesso de vendas.


Mas outro autor famoso, Steven Pinker (autor de Tabula Rasa, Como a mente funciona, Do que é feito o pensamento), pode ter estragado definitivamente a reputação do eclético Gladwell. Numa resenha publicada como matéria de capa do caderno de literatura do New York Times (domingo, 15/11), Pinker pegou Gladwell no pulo. São erros grosseiros de entendimento do assunto sobre o qual pontifica. O pior deles foi uma derrapada constrangedora. Um dos entrevistados falou em ‘eigenvalue’ um termo técnico da matemática e Gladwell grafou ‘Igon Value’ no livro O que o gato viu, já impresso, distribuído e vendido nas livrarias.


Conceitos confundidos


Pinker descreveu o livro novo de Gladwell como um exemplo do que acontece quando leigos se metem a falar sobre coisas que só pegam de orelhada. A gafe está fazendo a alegria dos blogs de ciência (ver aqui).


O erro agora pode respingar na revista New Yorker, onde Gladwell freqüentemente escreve. Blogueiros da área de ciências logo correram atrás do erro, que já virou piada, e descobriram que no arquivo online da revista a palavra está grafada corretamente. Pontos para o lendário e rigoroso serviço de checagem da revista? Há quem duvide.


Vários blogs, especialmente o language log, levantam a hipótese do New Yorker ter consertado o arquivo para salvar a cara da revista. Tudo parece indicar que o ‘Igon Value’ estava na versão entregue por Gladwell. Ou teria sido uma gafe introduzida pela Hachette, editora do livro?


Mas a hipótese de um erro ortográfico não salvaria Gladwell. A crítica de Pinker mostra como Gladwell confunde conceitos da estatística. Uma pena, pois eu gostava muito dos escritos de Gladwell.

******

Jornalista

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem