Sábado, 16 de Dezembro de 2017
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº970

FEITOS & DESFEITAS > MÍDIA & EDUCAÇÃO

O piso é lei, mas ninguém cumpre

Por Francisco Djacyr Silva de Souza em 03/04/2012 na edição 688

É engraçado como as leis de nosso país foram feitas exclusivamente para não serem cumpridas desde que venham de encontro aos interesses do capital e do viés político que envolve a situação social de nosso país. No caso da Lei do Piso, vemos que mesmo sendo votada e aprovada pela organização dos docentes e sua pressão sobre o Congresso, são poucos os locais onde a lei é realmente cumprida, o que denota um completo escárnio com a educação por parte dos senhores gestores, que preferem aquinhoar seus aliados com benefícios, verbas suplementares e emendas no sentido de garantir a tal governabilidade que, na realidade, é corrupção oculta para acobertar os desmandos dos que estão no poder. A situação das escolas hoje é vergonhosa, pois quem realmente nasceu para profissão está desistindo e como a formação é precária vão para o ensino pessoas que geralmente não compreendem o real sentido do que vem a ser um educador.

Toda esta ação deliberada para destruir a educação é sintomática e tem muito a ver com a geração de analfabetos que não entenderão os rumos da vida política e continuarão a manter na política pessoas sem espírito público real ou compromissado com os pilares da vida social que hoje é assentada em saúde, educação, moradia e segurança – que são discursos rentáveis, porém pouco efetivados na prática dos governos. Por que a sociedade não cobra dos governantes o respeito aos educadores? Por que nosso povo deixa que a educação seja tão fraca para os menos favorecidos? Por que a Justiça, tão ávida em declarar greves ilegais, não argui dos governantes o cumprimento da lei? Tais perguntas têm a ver com o imobilismo do povo e conivência dos poderes com o caos instalado e continuado.

Nossas gerações estão perdendo muito com o descompromisso prático dos governos com a educação, pois é notório que quando falta educação, falta respeito, faltam melhorias sociais e sobram violência, pobreza e miséria latentes. Não podemos admitir que os governos pisem na lei e não tenham nenhum tipo de reação dos personagens da vida social. A Lei do Piso é mais uma das belas leis que não é cumprida, não é respeitada, enquanto nosso povo continuar anestesiado com o besteirol da televisão e de outros meios de comunicação. A educação, infelizmente, não é prioridade dos governos e, infelizmente, nem do povo. Que situação triste, a de nosso país.

***

[Francisco Djacyr Silva de Souza é professor, Fortaleza, CE]

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem