Segunda-feira, 20 de Novembro de 2017
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº966

FEITOS & DESFEITAS > UOL NEWS

Ficaram doidos de vez?

Por Celio Levyman em 30/01/2006 na edição 366

O UOL News publicou em seu portal entrevista de Lillian Witte Fibe com o ex-presidente do Banco Central Ibrahim Eris, apontando os erros da política econômica de Antonio Pallocci. Não me aventuro a defender Pallocci e concordar com Eris ou o contrário, por absoluta falta de conhecimento. Por outro lado, acho que Lillian, ou quem estiver acima dela no UOL, passou por grave surto psicótico.

Afinal de contas, não foi quando Ibrahim Eris era presidente do BC e Zélia Cardoso de Mello ministra da Economia, no antigoverno Fernando Collor, que aconteceram determinadas coisinhas que o brasileiro jamais esquecerá, tais como o confisco de contas e poupança, o início da globalização por aqui, privatizações e tudo o mais, com o fundo musical de Besame mucho? Ao menos Zélia – que parecia não ter senso de humor, mas após as alegres aventuras com Bernardo Cabral e o casamento com Chico Anysio, mostrou ter apreço mesmo por essa área também – deve ter achado muito divertido deixar todo mundo com uns poucos dinheiros na mão, enquanto seu patrão e equipe se divertiam no Carnaval no litoral com jet-ski e tudo…

UOL, o Grupo Folha e Lillian podem chamar quem quiser para analisar a política econômica, do czar do ‘milagre econômico’ Delfim Netto ao guarda-livros da padaria da esquina, mas justamente dar a palavra a Ibrahim Eris é ressuscitar o equivalente na economia ao DOI-Codi, ou talvez mais apropriadamente tirar alguém de um asilo para economistas doentes mentais. Certamente o senso de humor dessa turma se afinou com o da equipe econômico-corrupta de Collor e PC. Vou ver se nos próximos dias consigo achar alguma coisa nisso para dar risada.

******

Médico, mestre em Neurologia pela Unifesp, ex-conselheiro do CRM de São Paulo

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem