Sábado, 18 de Novembro de 2017
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº966

FEITOS & DESFEITAS > VENEZUELA

Não mexam com a filha do presidente

20/01/2006 na edição 364

O jornal venezuelano TalCual foi advertido pelo Conselho Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente pela publicação, em novembro do ano passado, de um artigo assinado pelo humorista Laureano Márquez sobre a filha do presidente Hugo Chávez, Rosinés Chavéz Rodríguez.


A medida cautelar estabelecida pelo Conselho proíbe que Márquez publique qualquer artigo ou faça qualquer alusão pública à filha de Chávez. Também proíbe o editor do jornal, Teodoro Petkoff, de publicar qualquer texto com o mesmo tema. As resoluções seguem o artigo 126 da Lei para Proteção de Crianças e Adolescentes, que estabelece que o Conselho deve responder a qualquer ameaça ou violação contra um menor.


Em editorial, Petkoff defendeu o humorista e declarou que o direito das crianças a uma ‘boa reputação e uma vida privada’ não foi violado. O editor afirma que Márquez baseou seu artigo em um comentário feito publicamente pelo presidente sobre as preocupações de sua filha com o cavalo presente no brasão nacional, e sugeriu que a chamada ‘defesa das crianças’ esconde sérias restrições ao exercício da liberdade de expressão. Informações do Instituto Prensa y Sociedad [18/1/06].

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem