Terça-feira, 21 de Maio de 2019
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº1038
Menu

FEITOS & DESFEITAS >

Tablóides e o circo da morte

21/04/2009 na edição 534

Quando achamos que os famosos tablóides da mídia inglesa e americana não tinham mais o que explorar, hoje deparo com um exemplo cruel do nível de espetáculo que eles são capazes de colocar em suas páginas.

Adivinhem a manchete: ‘Patrick Swayze pode ter emagrecido 47kg’.

Bem, não estou falando de nenhuma celebridade que sofresse com obesidade mórbida ou doenças da vaidade, algo que poderia corresponder melhor aos padrões de publicações consideradas fúteis. O caso é mais grave.

Para quem talvez não saiba, o ator Patrick Swayze, famoso por filmes como Dirty Dancing e Ghost, sofre de câncer no pâncreas e está em tratamento desde 2007. Seu tipo de câncer é um dos mais difíceis de serem tratados, sendo fatal na maior parte dos casos devido a dificuldades de diagnóstico precoce. Como os sintomas são corriqueiros, e facilmente confundidos com outros, a doença é descoberta quando está num estágio muito avançado.

E, com isso começaram a ‘pipocar’ fotos de paparazzi, explorando sua aparência. Não em um ritmo tão desgastante quanto no caso da ex-BB britânica Jade Goody, mas de forma desrespeitosa.

Tablóides já publicaram manchetes especulando o tempo de vida do ator, quase anunciando sua morte. As informações sobre seu estado de saúde foram desmentidas pela família e pela assessoria em diversos comunicados. O ator até pediu para que fotos suas não fossem publicadas, mas não foi atendido.

Cobertura mesquinha e inútil

Antes que se questione aqui a validade desse pedido, argumentando que as fotos são feitas em espaço público e argumentando a liberdade ao trabalho do jornalista e o livre acesso à informação, vou falar em ‘bom senso’.

Penso que uma cobertura da forma como está sendo feita é desrespeitosa para com o ator e a sua família, não por argumento de ferir sua privacidade – afinal, Patrick Swayze é uma pessoa pública, e já acostumado a isso. Mas pense simplesmente em como seria incômodo que o mundo questione seus boletins médicos e até estipule um prazo de sua vida…

Seu caso não é como o de Jade Goody, que se expôs por livre vontade e por algo em troca.

Patrick Swayze não é uma celebridade de origem duvidosa que esteja nos holofotes por causa de escândalos de vida pessoal. É um ator de carreira sólida. E também, antes de tudo, um ser humano que merece respeito e que está passando por momentos difíceis.

Não estou falando aqui para que não se noticie a seu respeito. Mas sim, para que haja um pouco de respeito, e não um circo em torno de uma doença grave. Esse tipo de cobertura é mesquinha e nojenta. Ainda por cima, inútil.

******

Jornalista, São José do Barreiro, SP

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem