Quinta-feira, 24 de Maio de 2018
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº988
Menu

FEITOS & DESFEITAS > ITAJAÍ, SC

Um problema ético

Por Rômulo Mafra em 17/08/2004 na edição 290

Em Itajaí existe um comentarista chamado Denísio Dolásio Baixo – do jornal Rede Cidade, da TV Brasil Esperança, que é uma TV educativa aqui de Itajaí –, porém ele é mais do que um comentarista. Também é um ‘showman’, daqueles que têm uma grande audiência, principalmente pelo seu jeito escrachado de falar, e que critica o que muitos têm medo de criticar na nossa cidade. Porém, sua exagerada ‘rebeldia’ no programa jornalístico tem chamado a atenção mais do que suas usuais reclamações.

Mas agora a coisa já está beirando o ridículo, e em vários níveis. Primeiro, o que é aquela coisa grotesca que colocaram no cenário do jornal Rede Cidade? E o Denísio comentando em pé, como se fosse (e é, ainda que virtualmente) um candidato a alguma coisa, simplesmente destoando do jornalístico que é o Rede Cidade? Desculpem-me, mas a Brasil Esperança pode até ser comandada por uma pessoa ligada a um partido (o filho do dono é candidato a vereador pelo PSB), mas o jornal não pode ser vinculado a uma causa partidária. Sei que estão usando isso de modo politicamente correto, ou seja, não falando de nenhum candidato, mas está, como já disse, beirando o ridículo.

Segundo ponto importante: num jornal, a língua portuguesa deve ter muita importância, visto que é a língua vigente no Brasil. Então, cria-se um cenário ‘especial’ para Denísio, e escrevem a palavra agüenta sem seu devido trema?? Por favor! O mínimo que se pode fazer é ter bom senso quanto a estes detalhes, que são importantes, já que este jornal atinge uma boa parcela da cidade de Itajaí. Eles têm que zelar pelo mínimo, que é a escrita, mas têm que prezar também a qualidade do jornal; e o telespectador merece o lado da notícia, e não o lado de Denísio ou do dono da Brasil Esperança.

Tudo disfarçado

E, para quem não sabe do que estou falando, resumirei: Denísio integra um partido chamado PSB (Partido Socialista Brasileiro), e este partido, pela orientação da executiva nacional, deveria fazer coligação com o PT em todo o Brasil – o PSB é um partido de esquerda, comandado por esquerdistas de carteirinha, como Luíza Erundina, Miguel Arraes, e integrante da base do governo. Se isto não fosse possível, só não poderia se coligar com o PSDB e o PFL. Dias atrás, o PSB de Itajaí estava sofrendo intervenção da executiva estadual do partido, pois entrou na coligação PFL-PSDB, indo totalmente contra o diretório nacional do partido. Quando esta intervenção foi para os tribunais eleitorais, Denísio começou a dizer que sairia como candidato a prefeito, caso a intervenção acontecesse. Mas, decidiu um juiz de Itajaí, a intervenção foi invalidada.

Mesmo assim, Denísio continua ‘ameaçando’ entrar no pleito, usando a frase ‘Agora aguenta (sic), ou vai ou arrebenta’, pintada num quadro vermelho (alusão ao PT?), com um risco branco atravessado, outra alusão (?) a um possível racha petista, com esta eventual candidatura de Denísio ao cargo de prefeito.

Tudo está ‘disfarçado’ no jornal Rede Cidade. São só ‘alusões’, mas que mostram ao telespectador o maquiavelismo com que esta TV vem usando seu principal jornalístico, e mostra o desrespeito com que trata este telespectador. A isto chamamos falta de ética. E não é só jornalística, é falta de ética dos próprios donos da TV, que se acham no direito de interferir num jornal, que tem grande audiência, para seus próprios fins, puramente eleitoreiros, deixando o jornalismo em segundo ou, até, terceiro plano.

******

Editor do jornal cultural Platéia (www.jornalplateia.tk)

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem