Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº970

CHECAGEM DE INFORMAçõES > Ferramentas jornalísticas 2

Quatro regras básicas para profissionais e amadores

02/10/2015 na edição 870

Craig Silverman, fundador do badalado site BuzzFeed e um dos membros do coletivo jornalístico First Draft (Primeiro Rascunho) selecionou quatro regras mínimas para que um profissional possa lidar com a diversidade e quantidade de dados, fatos e eventos publicados diariamente na internet e que precisam ser verificados rotineiramente para evitar a disseminação de boatos, rumores e falsidades.

As regras são as seguintes:
– Verifique a biografia da pessoa que compartilhou a informação, ou a fonte, no jargão jornalístico. Confira se outras pessoas compartilharam o mesmo dado, fato ou evento, e quem são estas pessoas. Se for um documento, verifique a autenticidade e antecedentes da organização, empresa ou governo que distribuiu o material. Procure, principalmente, identificar a origem do documento, vídeo, áudio ou declaração, porque na internet é muito comum a alteração do material original por acréscimos, adulteração ou eliminação.
–  Verificação de imagens: é um procedimento mais complexo, principalmente diante da frequência do uso de softwares como Photoshop para adulterar ou maquiar fotografias. Os programas Tiny Eye e Google Reverse Image Search são essenciais para identificar a imagem original e descobrir possíveis alterações. Imagens antigas podem consumir algum tempo para checagem, mas as mais novas podem ser rapidamente autenticadas.
– Verificação de identidades : é essencial para estabelecer as relações de uma pessoa dentro da internet. Submeta o nome da pessoa às principais redes sociais e verifique os dados publicados. Peste atenção especialmente às informações inseridas no perfil pessoa. Um programa que pode ajudar nesta pesquisa é o Storyful Multisearch.
– Pesquise informações e notícias similares : Que pessoas ou instituições estão informando sobre o mesmo tema de sua noticia ou reportagem. Verifique quais as fontes que estão usando. Cheque palavras chaves do tema para identificar artigos ou documentos similares. Quando pessoas e instituições consideradas confiáveis citam as mesmas fontes isto é um forte indício de autenticidade.

Para Craig Silverman, esta checagem sumária consome entre cinco a dez minutos e, caso se transforme numa rotina, evitará muitos contratempos na produção de conteúdos jornalísticos.Ele deve ter muita experiência em lidar com informações de origem duvidosa porque o site BuzzFeed trabalha basicamente com notícias originárias de blogs e páginas pessoais.

No jornalismo na internet, a checagem de fatos, dados e identidades passou a ser um comportamento quase obrigatório entre os profissionais dado o número cada vez maior de material não confiável que circula pelas redes sociais virtuais e também em páginas informativas que não seguem padrões mínimos de verificação.

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem