Faltou apoio da mídia à Marina Silva | Observatório da Imprensa - Você nunca mais vai ler jornal do mesmo jeito
Sexta-feira, 17 de Agosto de 2018
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº1000
Menu

IMPRENSA EM QUESTãO > JORNALISMO & MEIO AMBIENTE

Faltou apoio da
mídia à Marina Silva

Por Alberto Dines em 15/05/2008 na edição 485

Quantos ambientalistas e quantos desenvolvimentistas militam em cada redação? Ontem (quarta-feira, 14/05) e hoje (quinta, 15/05) os principais colunistas examinaram a saída da ministra Marina Silva sob o ponto de vista estritamente político: a crise anunciada afinal materializou-se. Difícil saber o que pensam na intimidade sobre as questões ambientais.


Como as empresas jornalísticas apostam no crescimento acelerado, padrão chinês, seus porta-vozes também se engajam no desenvolvimentismo sem freios. Adoram a expressão responsabilidade social, mas detestam controles e regulamentos.


Para mostrar imparcialidade, os grandes veículos mantêm em geral um colunista da linha ecológica, o Estadão é exceção, tem três (Washington Novaes, José Goldenberg e Marcos Sá Correa, sendo que Washington Novaes é uma instituição, o decano do jornalismo ambiental).


Disto se conclui que Marina Silva demitiu-se não apenas porque lhe faltou o apoio do presidente Lula, mas porque não encontrou na mídia, ao longo da sucessão de batalhas que travou, o suporte necessário para enfrentar os adversários históricos.


As revistas coloridas alarmam-se com o degelo das calotas polares e a sorte dos ursinhos brancos. A mesma emoção não aparece na luta pela preservação da Amazônia.


Se o novo ministro, Carlos Minc, não contar com o apoio imediato e ostensivo da mídia na defesa do meio ambiente, melhor começar a escolher o seu sucessor.

Todos os comentários

  1. Comentou em 18/05/2008 Paulo de almeida

    A mídia peca contra o meio ambiente por dois motivos: Um é que a maioria dos jonalistas se prostitui mesmo, e dois porque nao têm embasamento para se posicionar numa questäo como a dos transgênicos, que se nao for p optar levianamente p um outro lado, tem que ir bem na origem do problema, e isto é trabalho duro…

  2. Comentou em 18/05/2008 Paulo de almeida

    A mídia peca contra o meio ambiente por dois motivos: Um é que a maioria dos jonalistas se prostitui mesmo, e dois porque nao têm embasamento para se posicionar numa questäo como a dos transgênicos, que se nao for p optar levianamente p um outro lado, tem que ir bem na origem do problema, e isto é trabalho duro…

  3. Comentou em 16/05/2008 Marco Antônio Leite

    Meio ambiente não dá liga com o sistema capitalista, isso porque poucos defendem a manutenção do planeta, mas muitos querem sua destruição pura e simples objetivando lucrar com as riquezas que a natureza oferece. Como escrevi anteriormente, ser governo é defender os interesses da elite do momento, o meio ambienta que vá para o espaço sideral. Isso foi o que ocorreu com a ex-ministra Marina Silva, defender arvore nunca proporcionou troféu a quem acredita que esta amparando aquilo que surgiu a milhões de anos. Essa história de destruição da mãe terra levará todos para a extinção definitiva, ou seja, ricos, pobres e remediados, com certeza não sobrarão ninguém para escrever triste história. Quem viver verá?

  4. Comentou em 16/05/2008 Fábio de Oliveira Ribeiro

    Não há diferença entre os interesses corporolucrativos dos jornalões e os das pobres vítimas da Ministra que pretendia cumprir e fazer cumprir a legislação ambiental. A questão, meu caro, não é mais ambiental é política e institucional. Lei Ambiental nós temos, mas ninguém quer vê-la sendo cumprida, nem os jornais, nem os empresários, nem a maioria dos políticos (Lula entre eles, já que optou claramente pelos interesses corporolucrativos). Além disto, não se pode dizer que os jornais e revistas tradicionais sejam ecológicos. A matéria do jornal depende da existência de florestas artificiais (portanto, da derrubada de florestas naturais). além disto, o jornal de hoje é lixo amanhã. Ugh… que nojo. Nem não compro mais jornal pois virei ECOCHATO.

  5. Comentou em 15/05/2008 José Silva

    Êpa! Defender o meio ambiente é uma coisa, defender o ministro, ou a ministra, é outra coisa completamente diferente.

  6. Comentou em 15/05/2008 marina chaves

    a amazonia pede socorro!!!
    pediu demissao a unica pessoa que honrou o compromisso de defende-la!

  7. Comentou em 15/05/2008 marina chaves

    a amazonia pede socorro!!!
    pediu demissao a unica pessoa que honrou o compromisso de defende-la!

  8. Comentou em 15/05/2008 Ivan Bispo

    Se, ambiência nunca esteve na pauta da mídia, como a mídia iria defender a ex-ministra Marina? O que nosso país necessita é de defensores do meio ambiente e não de pessoas. Porque para uma só pessoa é muito díficil defender a amazônia, nossas águas, nossas florestas, etc…

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem