Terça-feira, 17 de Outubro de 2017
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº962

IMPRENSA EM QUESTãO > RÚSSIA

Forbes condenada por difamar bilionária

27/03/2007 na edição 426

Tribunal de Moscou determinou na semana passada que a edição russa da revista Forbes difamou a mulher mais rica da Rússia em sua edição de dezembro. A publicação estampou uma foto de Yelena Baturina, mulher do poderoso e controverso prefeito de Moscou, Yuri Luzhkov, na capa junto com o título ‘Eu sou proteção garantida’. O artigo de sete páginas sugeria que sua fortuna de US$ 1,1 bilhão foi acumulada com a ajuda de seu marido.

Yelena não gostou nada da alfinetada e a editora alemã Axel Springer, responsável pela revista, concordou em publicar uma nova capa revisada com a poderosa loira – com uma chamada menos provocativa. A postura da editora provocou a saída temporária do editor da Forbes russa, Maxim Kashulinksy, e uma rara repreensão dos diretores da Forbes americana, que defendem que o artigo original deveria ser publicado por inteiro.

A companhia de construção de Yelena, Inteko, entrou com ação alegando que a revista havia prejudicado a reputação da empresa. O tribunal determinou que a Forbes difamou a empresária e a revista foi multada em US$ 4,200 mil.

Risco à liberdade

Kashulinksy descreveu a sentença como prejudicial à liberdade de imprensa na Rússia – que já sofre sérios ataques do governo e de magnatas locais. Seu antecessor no cargo de editor, Paul Klebnikov, foi assassinado a tiros em 2004, após publicar a primeira lista das pessoas mais ricas do país. ‘Isso é uma violação à liberdade de imprensa. O tribunal se recusou a ouvir nossas testemunhas. Nós pretendemos apelar em um tribunal superior em Moscou e, se necessário, no tribunal europeu de direitos humanos’, afirmou o jornalista.

Yelena, de 43 anos, é a única mulher bilionária da Rússia, e não gosta nada de ouvir acusações de que grande parte de sua fortuna se deve à influência de seu marido sobre os contratos de construção de sua empresa. Nos 14 anos de Luzhkov como prefeito de Moscou, a cidade viu uma explosão no mercado imobiliário, com diversos shopping centers e arranha-céus – a maioria construída pela companhia de Yelena. Informações de Luke Harding [The Guardian, 21/3/07].

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem