Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº970

IMPRENSA EM QUESTãO > IRAQUE

Segue seqüestrado jornalista da CBS News

19/02/2008 na edição 473

Continua alta a expectativa pela soltura do jornalista britânico da CBS News seqüestrado na semana passada em Basra, no Iraque. Hareth al-Athari, porta-voz da milícia xiita Moqtada al-Sadr, afirmou que as negociações foram interrompidas porque não se chegou a um acordo sobre como o profissional deve ser libertado. ‘[Os captores] precisam achar o local certo e o momento certo’, afirmou. Athari, que está envolvido nas negociações, completou que os seqüestradores temem ser capturados pela polícia ao entregar o repórter. Segundo ele, ainda não se conhece a identidade dos criminosos.

O jornalista – cujo nome não foi divulgado – foi levado de um hotel no centro de Basra, junto com seu intérprete iraquiano. O intérprete foi libertado na quarta-feira (13/2), aumentando as esperanças de que o britânico o seria em breve.

Basra, segunda maior cidade do Iraque, é o centro de uma disputa entre a poderosa milícia Exército Mehdi, ligada à Moqtada al-Sadr, e a rival xiita Conselho Supremo Islâmico Iraquiano, que lutam pelo poder na região, rica em petróleo. Em agosto de 2005, o jornalista americano Steve Vincent, que trabalhava como freelance, foi encontrado morto a tiros em Basra quatro dias após publicar um artigo de opinião no New York Times criticando a disseminação do fundamentalismo xiita islâmico na cidade. Informações da Reuters [17/2/08].

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem