Quarta-feira, 19 de Setembro de 2018
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº1005
Menu

INTERESSE PúBLICO > CLIMA EM DEBATE

Estudo no Reino Unido acusa jornais de cobertura falha

30/04/2008 na edição 483

Pesquisadores do Instituto de Mudanças Climáticas da Universidade de Oxford, no Reino Unido, afirmaram que a cobertura ‘superficial e simplista’ dos tablóides sobre o aquecimento global contribuiu para uma ‘divergência significativa do consenso científico de que os humanos colaboram para as mudanças no clima’.


Foram analisados 974 artigos publicados entre 2000 e 2006 nos jornais Sun, Daily Mail, Daily Express e Daily Mirror, e o estudo concluiu que a precisão das informações expostas na cobertura oscilou entre 67% e 83% ao longo destes seis anos. Apenas 1,8% da cobertura dos tablóides sobre as mudanças climáticas foi escrita por correspondentes especializados no assunto, indicando que a falta de jornalistas especialistas em temas ligados a ciência e meio ambiente representou uma parte considerável do problema.


‘O debate sobre a mudança climática, assim como a discussão em torno do protocolo de Kyoto, requer uma vasta gama de pontos de vista e comentários’, afirmou Max Boykoff, co-autor do projeto. ‘A ciência é algo muito consistente, então não acho que precisemos de algum código de apuração a ser seguido, mas sim de um exercício de bom senso’. Boykoff sugere que se invista em um maior número de jornalistas especializados e que os tablóides sejam mais cuidadosos ao tratar de questões sobre as mudanças climáticas.


Percepção alterada


O pesquisador diz que, com exceção dos tablóides, a cobertura na imprensa tradicional tem sido geralmente correta, mas ainda assim a situação é preocupante se for levado em conta o alto índice de leitura dos tablóides no Reino Unido. ‘Há poucos tablóides que estão levando isso a sério, o que é grave se pensarmos em sua influência e nos interesses sócio-econômicos de seus leitores’, afirma Boykoff, ressaltando que uma cobertura mal feita altera a percepção e a compreensão do público.


Diversas das matérias analisadas confundiram os termos ‘aquecimento global’ com ‘mudanças climáticas’, sugerindo que o aquecimento global é causado pelo homem, enquanto a mudança climática é algo natural. Segundo Boykoff, o termo ‘mudança climática’ descreve uma série de fenômenos que vão desde tempestades de neve a pancadas de chuva; e ‘aquecimento global’ se refere especificamente ao aumento de temperatura ao longo do tempo. Informações de Jemima Kiss [The Guardian, 28/4/08].

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem