Sexta-feira, 20 de Setembro de 2019
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº1055
Menu

INTERESSE PúBLICO >

Fotos militares conteriam abuso sexual, afirma jornal

29/05/2009 na edição 539

O jornal britânico Daily Telegraph descreveu detalhes de fotografias de supostos abusos incluindo estupros e agressões sexuais com objetos como tubos e cassetetes em prisões militares dos EUA no exterior. As fotos referem-se a 400 casos na prisão de Abu Ghraib, no Iraque, e também em outras seis penitenciárias, de 2001 a 2005. As informações teriam vindo do major-general Antonio Taguba, ex-oficial do Exército que publicou um relatório sobre Abu Ghraib em 2004.


As imagens geram controvérsia há semanas por conta da oposição do presidente Barack Obama em levá-las a público. Obama, que assumiu a Casa Branca em janeiro deste ano, alega que as fotos podem causar uma reação exagerada contra as tropas americanas no exterior. Um mês antes, entretanto, ele havia concordado com a divulgação de centenas de imagens de prisões administradas pelos EUA no Iraque e outros países, em resposta a uma ação aberta pela União Americana pelas Liberdades Civis (ACLU, sigla em inglês). A instituição acusa o governo democrata de adotar ‘as mesmas táticas retrógradas e políticas opacas da administração [do ex-presidente George W.] Bush’. Imagens divulgadas em 2004 mostrando abusos de presos em Abu Ghraib geraram críticas em todo o mundo.


Nesta sexta-feira (29/5), o Departamento de Defesa dos EUA refutou a alegação do Telegraph de que as imagens que o presidente não quer divulgar contenham cenas de estupro e abuso sexual. ‘Nenhuma das fotos em questão exibe as cenas descritas no artigo’, afirmou o porta-voz do Departamento, Bryan Whitman. Informações da AFP [28 e 29/5/09].

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem