Domingo, 22 de Julho de 2018
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº996
Menu

INTERESSE PúBLICO > JAPÃO

Médicos pedem à mídia ‘consideração’ com princesa

30/07/2008 na edição 496

Médicos alertam: a intensa pressão da mídia pode piorar a saúde da princesa japonesa Masako, noticia a AP [27/7/08]. ‘É possível que questões repetitivas sobre temas como as razões que levam a princesa a não acompanhar o príncipe nas visitas no exterior possam agravar sua condição médica’, afirmou uma equipe que está cuidando da princesa. Segundo os diários Asahi e Sankei, médicos pediram ‘consideração’ à mídia em escrever sobre a saúde de Masako.


A princesa, que se casou com o príncipe Naruhito em 1993, foi diagnosticada com desordem alimentar causada por estresse – o que a manteve afastada de eventos no Japão e no exterior por anos. Mesmo saindo raramente do palácio, sua saúde vem sendo capa da mídia no país, em especial de tablóides e de revistas femininas.


Naruhito pediu compreensão em uma recente coletiva, alegando que a princesa está tentando se recuperar. Especula-se que a pressão para que ela dê um filho homem ao príncipe e a adaptação às tradições da vida no palácio tenham contribuído para que sua saúde piorasse.


Antes de se casar com o príncipe, Masako tinha uma carreira ascendente no ministério do Exterior. Ela teve uma filha, Aiko, em 2001. Pela lei, só filhos homens podem se tornar um imperador. Em 2006, o irmão mais novo de Nahurito, príncipe Akishino, teve um filho homem com a princesa Kiko, o que instalou uma crise severa na sucessão.

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem