Domingo, 20 de Agosto de 2017
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº954

INTERESSE PúBLICO > CRIANÇAS E A MÍDIA

Papa divulga tema do Dia das Comunicações

26/01/2007 na edição 417

O papa Bento 16 divulgou esta semana o tema de sua mensagem para o Dia Mundial das Comunicações, celebrado em 20 de maio, informa Cindy Wooden [Catholic News Services, 24/1/07]. O tema de 2007 é ‘Crianças e a mídia: um desafio para a educação’. Bento 16 pede cooperação entre a mídia, os pais, escolas e paróquias na proteção das crianças diante de programas que possam ser prejudiciais a elas e pede que estas figuras as eduquem para que saibam escolher seu entretenimento de maneira sábia.


Na mensagem, o papa afirma que profissionais de mídia, antes de oferecer ao público filmes, desenhos e videogames com temas de violência e sexo explícito, devem se perguntar como estes produtos são recebidos por jovens vítimas de abuso e exploração. Bento 16 ressaltou que o tema é importante por causa do crescimento da influência da mídia sobre pessoas de todo mundo, e, especialmente, sobre as crianças. O papa completou que, embora muitos profissionais de mídia tentem ‘fazer o certo’, muitas vezes eles sofrem pressões financeiras para tomar decisões erradas.


Perversão


‘Qualquer tendência de se produzir programas e produtos – incluindo desenhos animados e videogames – que, em nome do entretenimento, exaltem a violência e retratem comportamentos anti-sociais ou a banalização da sexualidade humana pode ser considerada uma perversão’, afirmou. ‘Como alguém pode explicar este ‘entretenimento’ às incontáveis crianças inocentes que sofrem de verdade com a violência, exploração e abuso?’.


O papa completou que os pais devem servir de exemplo aos filhos, e devem encorajá-los a experimentar outros tipos de entretenimento, como clássicos infantis da literatura, artes e música. ‘Crianças expostas ao que é esteticamente e moralmente excelente tendem a desenvolver apreço, prudência e discernimento’. Bento 16 pediu ainda que a mídia ‘proteja os bens comuns, valorize a verdade, proteja os direitos humanos individuais e promova o respeito às necessidades da família’.

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem