Terça-feira, 19 de Fevereiro de 2019
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº1024
Menu

INTERESSE PúBLICO >

Vitória final da OK! em batalha contra a Hello

03/05/2007 na edição 431

A Câmara dos Lordes, mais alta corte de apelação britânica, deu vitória nesta quarta-feira (2/5) à revista OK! na longa batalha judicial travada contra a rival Hello sobre as fotografias do casamento dos atores Michael Douglas e Catherine Zeta-Jones. Explica-se: a OK! fez um acordo de exclusividade de US$ 2 milhões com o famoso casal pela cobertura fotográfica do casamento, realizado em 2000 em Nova York. A Hello, entretanto, publicou fotos da cerimônia tiradas por um paparazzo, o que levou a OK! a entrar na justiça contra a concorrente. Em 2003, a OK! venceu a ação. Em 2005, a Hello venceu a apelação. Por esta razão, a OK! levou a disputa à mais alta corte.


Prejuízo


Três dos cinco Lordes da Lei votaram a favor da OK!. A Hello deverá pagar US$ 2 milhões em danos. Os Lordes alegaram, entretanto, que a publicação das fotos não-autorizadas não teve como intenção prejudicar a OK!. Por esta razão, as duas publicações devem ser obrigadas a dividir as custas legais do processo, avaliadas em US$ 16 milhões. Antes do veredicto, advogados especializados em casos de mídia haviam analisado que, se a revista vencesse a apelação com base no argumento de que existia o direito à confidencialidade, uma nova lei de proteção de imagem deveria ser criada no Reino Unido.


Um dos advogados da Hello lamentou o desfecho do caso, afirmando que ele dará às celebridades ‘um novo direito que permitirá que elas controlem a informação que chega ao público em geral’. ‘Evidentemente, se uma revista, ou algum outro veículo de mídia, paga o suficiente por um evento, o que a Câmara dos Lordes está dizendo é que protegerá isso e que qualquer informação que não seja parte do ‘exclusivo’ será proibida e não poderá ser publicada’, disse em entrevista à BBC.


Em 2003, em audiência no tribunal, Catherine Zeta-Jones afirmou ter se sentido ‘devastada, chocada e horrorizada’ quando soube que fotógrafos não-autorizados haviam penetrado em seu altamente seguro casamento. Informações da AFP [2/5/07].

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem