Quinta-feira, 18 de Outubro de 2018
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº1009
Menu

JORNAL DE DEBATES >

Foto de mísseis pode ter sido adulterada

11/07/2008 na edição 493

Uma imagem divulgada esta semana pela Sepah News, braço midiático da Guarda Revolucionária do Irã, sobre os testes com mísseis naquele país, parece ter sido alterada digitalmente. A foto com quatro mísseis, distribuída pela Agence France-Presse, chegou a ser reproduzida nas primeiras páginas dos grandes jornais americanos, como o Los Angeles Times, Financial Times e Chicago Tribune, além dos sítios da BBC News, MSNBC, Yahoo!, e NYTimes.com.


A agência explicou que obteve a imagem no sítio da Sepah News – porém, no mesmo dia, ela já não estava mais lá. Posteriormente, a AP distribuiu a foto com apenas três mísseis lançados no deserto do Golfo Pérsico. Até o sítio da Sepah disponibilizou, no dia seguinte, a imagem sem o quarto míssil. Na imagem abaixo, o terceiro projétil parece ser a soma de dois outros mísseis da mesma foto.





A mídia iraniana foi acusada de usar programas de edição de imagem. Nenhuma autoridade emitiu declaração oficial sobre o caso. A AFP continuou a afirmar que a foto foi alterada pelo Irã. ‘O quarto míssil foi aparentemente acrescentado digitalmente para cobrir um míssil que falhou durante o teste’, justificou. Informações de Mike Nizza e Patrick Witty, do blog The Lede, do New York Times, [10/7/08].

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem