Segunda-feira, 24 de Setembro de 2018
ISSN 1519-7670 - Ano 19 - nº1005
Menu

JORNAL DE DEBATES > ALEMANHA

Jornal de Berlim procura funcionários ligados à Stasi

03/04/2008 na edição 479

A equipe editorial do jornal berlinense Berliner Zeitung deverá passar por uma investigação depois que dois jornalistas veteranos foram identificados como antigos informantes da Stasi, polícia secreta da República Democrática Alemã. Segundo o editor Joseph Depenbrock, todos ficaram chocados com a revelação. Depenbrock pediu que seja realizado um inquérito independente para que se cheque o passado de 120 membros da equipe editorial. O objetivo da investigação, segundo ele, é ‘preservar a credibilidade do jornal’.


Thomas Leinkauf, editor da revista do Berliner Zeitung, admitiu ter trabalhado para a Stasi depois que um arquivo detalhando suas atividades chegou ao jornal. Leinkauf foi informante durante dois anos, na década de 70; ele se passava por estudante. Descobriu-se que, nos últimos anos, ele escreveu artigos criticando ativistas que tentaram levar oficiais da Stasi à justiça. Dois dias após a revelação sobre Leinkauf, um subeditor político de 50 anos, que não teve o nome divulgado, afirmou aos colegas em uma reunião que foi informante da Stasi por uma década.


Antigo regime


Em um artigo publicado na quarta-feira (2/4), os jornalistas do Berliner Zeitung anunciam que a maioria da equipe concordou em abrir seus registros oficiais para provar sua inocência. ‘Para o Berliner Zeitung, isso é um desastre’, declarou um dos jornalistas. O jornal, que hoje pertence ao empresário britânico David Montgomery, foi um dos principais diários de Berlim Oriental durante mais de quatro décadas do regime comunista.


Após o colapso, a publicação conseguiu, com sucesso, adequar-se à nova economia de mercado, tornando-se o maior diário por assinatura da capital. Em 1989, após a reunificação, o jornal demitiu 70 funcionários que, acreditava-se, tinham relação com o antigo regime. Na década de 90, outros 12 jornalistas foram identificados como ex-informantes da Stasi. ‘Nós pensávamos ter afastado qualquer ligação com a Stasi há anos’, afirmou Depenbrock. Informações de Kate Connolly [The Guardian, 3/4/08].

Todos os comentários

x

Indique a um amigo

Este é um espaço para você indicar conteúdo do site aos seus amigos.

O Campos com * são obrigatórios.

Seus dados

Dados do amigo (1)

Dados do amigo (2)

Mensagem